Barragem Armando Ribeiro Gonçalves acumula 22,12% do seu volume total; veja situação dos principais reservatórios potiguares

JBelmont

10Fev2020

Por Belmont às 15h33

FOTO: ASCOM/IGARN/Barragem Armando Ribeiro Gonçalves/ Imagem Ilustrativa

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte monitora, por meio do Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), 47 reservatórios com capacidade superior a 5 milhões de metros cúbicos responsáveis pela segurança hídrica estadual. O Relatório da Situação Volumétrica dos Principais Reservatórios Estaduais divulgado nesta segunda-feira (10) indica que a Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior manancial potiguar, com capacidade para 2,37 bilhões de metros cúbicos, atualmente acumula 524.843.309 m³, correspondentes a 22,12% do seu volume total. No mesmo período de fevereiro de 2019 o reservatório acumulava 479.966.933 m³, percentualmente, 20% da sua capacidade total.

Já a barragem Santa Cruz do Apodi, com capacidade para 599.712.000 m³, atualmente acumula 109.976.674 m³, percentualmente, 18,34% da capacidade total do manancial. Em fevereiro de 2019, Santa Cruz do Apodi acumulava 132.072.797 m³, correspondentes a 22,02%.

O açude Umari, localizado em Upanema, com capacidade para 292.813.650 m³, acumula 82.769.791 m³, percentualmente, 28,27% do seu volume total. Já em 2019, o reservatório estava com 98.695.560 m³, o que correspondia a 33,71% da sua capacidade.

As reservas hídricas superficiais totais do Estado atualmente são 950.421.609 m³, percentualmente, 21,71% da capacidade total de acumulo das bacias potiguares, que é de 4.376.444.842 m³. No mesmo período do ano passado o volume total das reservas hídricas monitoradas era de 934.749.276 m³, percentualmente, 21,35% da capacidade total.

Dos 47 reservatórios monitorados pelo Igarn, 13 permanecem com menos de 10% das suas capacidades, considerados em nível de alerta, percentualmente, 27,65% dos mananciais monitorados. Já os secos são 6, o correspondente a 12% dos reservatórios. No mesmo período do ano passado os mananciais em nível de alerta eram 9, percentualmente, 19,14% dos açudes monitorados. Os secos eram 8, correspondentes a 17% do total de mananciais monitorados.

Os reservatórios com níveis inferiores a 10% são: Bonito II, localizado em São Miguel; Jesus, Maria, José, em Tenente Ananias; Lucrécia, localizado no município de Lucrécia; Malhada Vermelha, em Severiano Melo; Zangalheiras, em Jardim do Seridó; Marechal Dutra (Gargalheiras), em Acari; Passagem das Traíras, em São José do Seridó; Itans, em Caicó; Esguicho, em Ouro Branco; Cruzeta, localizado na cidade de Cruzeta; Dourado, em Currais Novos; Santa Cruz do Trairi, em Santa Cruz e Flechas, localizado em José da Penha.

Já os secos são: Santana, localizado em Rafael Fernandes; Pau dos Ferros, localizado em Pau dos Ferros; Pilões, localizado no município de Pilões; Inharé, em Santa Cruz; Trairi, em Tangará e Japi II, em São José do Campestre.

 

 

DO BG

Deixe seu comentário
Insira os caracteres conforme a imagem acima.

Perfil do Blogueiro

JBelmont
José J Belmont Natural de São José de Campestre RN Radialista, ex vereador de Mossoró e ex deputado estad…
Leia +