Polícia prende segundo suspeito de envolvimento em morte de coronel da PM em Natal

JBelmont

13Jan2020

Por Belmont às 09h10

Prisão aconteceu neste domingo (12). Segundo a Polícia, homem teria roubado uma moto na Zona Norte e bateu em ônibus durante fuga.
Coronel da PM foi baleado e morreu durante um assalto em uma loja no Centro de Natal — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi




A Polícia prendeu na noite deste domingo (12) no bairro Nordeste, Zona Norte de Natal, um homem de 22 anos que, segundo a corporação, é suspeito de envolvimento na morte do coronel da Polícia Militar Francildo de Souza Nunes. Segundo militares, o homem foi pego por policiais que faziam uma ronda na região após roubar uma moto na Avenida Felizardo Moura, Zona Norte da capital potiguar, e bater em um ônibus durante a fuga.

De acordo com a PM, o homem teria roubado a moto de um homem que estava parado em um semáforo da Avenida Felizardo Moura, na Zona Norte da cidade. Militares que faziam uma ronda na região receberam uma denúncia do roubo e que ele tinha batido em um ônibus durante a fuga.

"Foi passada a informação de que ele estava armado. Chegamos lá e constatamos que ele realmente estava armado", disse um cabo do 9º Batalhão da Polícia Militar que participou da ação que prendeu o suspeito.

Ele ficou ferido no acidente e foi levado pelos policiais ao Hospital Walfredo Gurgel, na Zona Sul de Natal. Segundo militares, o homem ainda tentou fugir do local. Depois de ser recapturado, foi levado à Central de Flagrantes da Polícia Civil. Ainda de acordo com informações da Polícia Militar, o suspeito tem extensa ficha criminal.



Arma encontrada com o suspeito de envolvimento no crime que matou um coronel da Polícia Militar, em dezembro, em Natal — Foto: Divulgação/Polícia Militar

O crime
O crime aconteceu em uma loja do Centro de Natal, no dia 28 de dezembro. De acordo com a PM, o coronel Francildo de Souza Nunes levou três tiros no peito e morreu no local.

O policial estava em uma loja de roupas acompanhado da esposa que fazia compras. Pelo menos dois criminosos participaram do assalto. Um deles entrou na loja e anunciou o assalto. Ele levou os clientes para um dos provadores, incluindo o coronel.

Foi dentro desse provador que o policial foi baleado. Segundo a Polícia Militar, o coronel reagiu ao assalto. Ainda segundo a PM, ele levou três tiros no peito. Outro criminoso ficou na porta da loja impedindo que os clientes saíssem.

Após os tiros no coronel, os bandidos roubaram o carro de um homem que passava pelo local e fugiram. O motorista deste carro foi baleado no ombro, mas foi socorrido em seguida e passa bem.

Um dos suspeitos usava tornozeleira eletrônica, o que possibilitou que a polícia o encontrasse em Macaíba, na Grande Natal, poucas horas após o assalto. Na abordagem houve troca de tiros, o suspeito foi baleado e morreu a caminho do hospital.

G1

Deixe seu comentário
Insira os caracteres conforme a imagem acima.

Perfil do Blogueiro

JBelmont
José J Belmont Natural de São José de Campestre RN Radialista, ex vereador de Mossoró e ex deputado estad…
Leia +