Maia diz que é possível votar dois turnos da reforma ainda nesta semana

JBelmont

10Jul2019

Por Belmont às 08h47



Na madrugada, Câmara aprovou requerimento de encerramento da etapa de discussões. Intenção é votar nesta terça texto-base e destaques (propostas de alteração da matéria).

Para o presidente da Câmara, a votação expressiva nos requerimentos mostra que já há votos para aprovar a PEC

BRASÍLIA - Depois de encerrar a primeira sessão de discussão sobre a reforma da Previdência , o presidente da Câmara , Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que é possível aprovar a proposta em dois turnos ainda nesta semana. Maia disse ainda que decidiu deixar o enfrentamento da obstrução porque já estava tarde demais para enfrentar a matéria. Em meio à expectativa de votação da Previdência, Bolsonaro vai à Câmara nesta quarta-feira .

Vamos votar em dois turnos essa semana. Acho que o ambiente é muito positivo. Os deputados e as deputadas majoritariamente convencidos da importância de votar a reforma da Previdência. Esse é o ambiente que a gente sente no plenário. Acredito que a gente tem muita condição de votar os dois turnos nessa semana ainda — disse o presidente.

Para Maia, a votação expressiva nos requerimentos na noite desta terça — o último, para encerrar a votação, recebeu 353 votos favoráveis, contra 118 — é uma indicação da força da base aliada. No entanto, frisou que a votação da matéria será diferente. Para passar a reforma, são necessários 308 votos favoráveis ao projeto.

— O mérito é o mérito. Mas é sempre uma boa sinalização. É uma boa referência para a gente — disse Maia.

Votação de uma matéria tão importante como essa, a cada minuto as coisas avançam, recuam, avançam, recuam. O nosso papel é ir organizando, ir trazendo todo mundo para perto. Ontem à noite já estava todo mundo junto para durante o dia hoje votar o primeiro turno e os destaques

Deixe seu comentário
Insira os caracteres conforme a imagem acima.

Perfil do Blogueiro

JBelmont
José J Belmont Natural de São José de Campestre RN Radialista, ex vereador de Mossoró e ex deputado estad…
Leia +