Quatro mortes violentas nas últimas horas em Mossoró que chega a 61 homicídios neste ano

JBelmont

13Mar2018

Por Belmont às 12h39

Mossoró teve quatro homicídios nessa segunda-feira. Foram dois casos de execuções duplas: Maisa e Barrocas. Assim, chegou ao total de 61 homicídios em 71 dias neste 2018.

As vitimas do duplo homicídio do bairro Barrocas, não portavam documentos de identificação.

Segundo informações da policia, dois elementos roubaram uma motocicleta durante o dia e teriam escondido no final da Rua Emilio Castelar, numa região conhecida como Favela do Cachorro assado, e no inicio da noite, de segunda feira, 12 de março, quando eles voltaram para pegar a motocicleta que estava escondida, foram mortos.

O corpo de uma das vitimas foi encontrado no local dos tiros, na Rua Emilio Castelar. Próximo ao corpo duas motocicletas com queixa de roubo foi abandonadas. A outra vitima mesmo baleada, conseguiu correr cerca de 400 metros, mas morreu na Travessa Riacho Doce, quando pedia ajuda aos moradores da rua.

 

 Pai e Filho assassinados na Maisa

Mossoró registrou no inicio da noite de segunda feira, 12 de março, duas mortes provocadas por disparos de arma de fogo, na zona rural do município. Pai e filho foram surpreendidos e mortos, na UR 02 Quadra 02, na Vila Central da Maísa por volta de 19 horas.

A policia acredita que os criminosos foram a casa das vitimas para um acerto de contas com Carlos Mikael Pereira de Oliveira de 17 anos de idade e terminaram matando também, o pai dele, Raimundo Carlos de Oliveira, de 40 anos, que tentou evitar a morte do filho. Raimundo foi baleado e morreu na sala de sua residencia.

Mikael teria percebido a chegada dos criminosos e quando tentava fugir, já ferido, não conseguiu pular o muro dos fundos da residência. Ele morreu quando estava sendo socorrido, para o Hospital Tarcísio Maia em Mossoró.

Do Câmera

Deixe seu comentário
Insira os caracteres conforme a imagem acima.