Ibope votos válidos: Bolsonaro registra 59%; Haddad tem 41%

15 Out2018

Por Jbelmont às 20h58

Nos votos totais, Jair Bolsonaro, do PSL, tem 52%, e Haddad, 37%. Pesquisa é a primeira do Ibope no segundo turno das eleições.

O Ibope divulgou nesta segunda-feira (15) o resultado da primeira pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição presidencial. O levantamento foi realizado no sábado (13) e domingo (14) e tem margem de erro de 2 pontos, para mais ou para menos.

Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes:

Jair Bolsonaro (PSL): 59%
Fernando Haddad (PT): 41%



Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no 2º turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto.

Votos totais
Nos votos totais, os resultados foram os seguintes:



Jair Bolsonaro (PSL): 52%
Fernando Haddad (PT): 37%
Em branco/nulo: 9%
Não sabe: 2%

Rejeição
A pesquisa também apontou o potencial de voto e rejeição para presidente. O Ibope perguntou:"Para cada um dos candidatos a Presidente da República citados, gostaria que o(a) sr(a) dissesse qual destas frases melhor descreve a sua opinião sobre ele"?

Jair Bolsonaro

Com certeza votaria nele para presidente - 41%
Poderia votar nele para presidente - 11%
Não votaria nele de jeito nenhum - 35%
Não o conhece o suficiente para opinar - 11%
Não sabem ou preferem não opinar - 2%
Fernando Haddad

Com certeza votaria nele para presidente - 28%
Poderia votar nele para presidente - 11%
Não votaria nele de jeito nenhum - 47%
Não o conhece o suficiente para opinar - 12%
Não sabem ou preferem não opinar - 2%
Sobre a pesquisa
Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos
Entrevistados: 2506 eleitores em 176 municípios
Quando a pesquisa foi feita: 13 e 14 de outubro
Registro no TSE: BR‐01112/2018
Nível de confiança: 95%
Contratantes da pesquisa: TV Globo e "O Estado de S.Paulo"
O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos

Deixe seu comentário

PESQUISA CERTUS/FIERN VOTO CASADO – PRESIDENTE E GOVERNADOR: 76,60% do eleitorado Haddad vota em Fátima Bezerra e 72,90% do eleitorado de Bolsonaro vota em Carlos Eduardo

15 Out2018

Por Jbelmont às 10h38

A Fiern publicou no início da manhã desta segunda-feira a 1º pesquisa de intenção realizada para o 2º turno para as eleições do RN.

A pesquisa foi realizada pelo instituto CERTUS e foi registrada na Justiça Eleitoral sob os números BR – 00385/2018 e RN – 02146/2018. Ela foi realizada de 10 a 13 de outubro, com 1410 entrevistas, 7 regiões do RN, margem de erro 3%

No voto casado para PRESIDENTE e GOVERNADOR: – 76,60% do eleitorado de Fernando Haddad vota em Fátima Bezerra – 72,90% do eleitorado do candidato Jair Bolsonaro vota em Carlos Eduardo

Pesquisa Certus/Fiern

Deixe seu comentário

PESQUISA CERTUS/FIERN VOTOS VÁLIDOS GOVERNO: Fátima tem 53,62% e Carlos Eduardo tem 46,38%

15 Out2018

Por Jbelmont às 10h35

A Fiern publicou no início da manhã desta segunda-feira a 1º pesquisa de intenção realizada para o 2º turno para as eleições do RN.

A pesquisa foi realizada pelo instituto CERTUS e foi registrada na Justiça Eleitoral sob os números BR – 00385/2018 e RN – 02146/2018. Ela foi realizada de 10 a 13 de outubro, com 1410 entrevistas, 7 regiões do RN, margem de erro 3%

GOVERNO DO RN – Se a eleição fosse hoje no cenário estimulado apenas com os votos válidos: Fátima Bezerra 53,62% Carlos Eduardo 46,38%

Deixe seu comentário

PESQUISA CERTUS/FIERN ESTIMULADA GOVERNO: Fátima tem 44,61% e Carlos Eduardo tem 38,58%

15 Out2018

Por Jbelmont às 10h32

A Fiern publicou no início da manhã desta segunda-feira a 1º pesquisa de intenção realizada para o 2º turno para as eleições do RN.

A pesquisa foi realizada pelo instituto CERTUS e foi registrada na Justiça Eleitoral sob os números BR – 00385/2018 e RN – 02146/2018. Ela foi realizada de 10 a 13 de outubro, com 1410 entrevistas, 7 regiões do RN, margem de erro 3%

GOVERNO DO RN – Se a eleição fosse hoje no cenário ESTIMULADO para governador: Fátima Bezerra 44,61% Carlos Eduardo 38,58% Nenhum 9,72% Não sabe 6,88% Não respondeu 0,21%

Deixe seu comentário

PESQUISA CERTUS/FIERN VOTOS VÁLIDOS PRESIDENTE: Fernando Haddad tem 56,82% e Bolsonaro 43,18%

15 Out2018

Por Jbelmont às 10h29

A Fiern publicou no início da manhã desta segunda-feira a 1º pesquisa de intenção realizada para o 2º turno para as eleições do RN.

A pesquisa foi realizada pelo instituto CERTUS e foi registrada na Justiça Eleitoral sob os números BR – 00385/2018 e RN – 02146/2018. Ela foi realizada de 10 a 13 de outubro, com 1410 entrevistas, 7 regiões do RN, margem de erro 3%

PRESIDÊNCIA – Se a eleição fosse hoje no cenário estimulado apenas com os votos válidos: Fernando Haddad 56,82% Bolsonaro 43,18%

Deixe seu comentário

PESQUISA CERTUS/FIERN ESTIMULADA PRESIDENTE: Fernando Haddad tem 45,46% e Jair Bolsonaro 34,54%

15 Out2018

Por Jbelmont às 10h26

A Fiern publicou no início da manhã desta segunda-feira a 1º pesquisa de intenção realizada para o 2º turno para as eleições do RN.

A pesquisa foi realizada pelo instituto CERTUS e foi registrada na Justiça Eleitoral sob os números BR – 00385/2018 e RN – 02146/2018. Ela foi realizada de 10 a 13 de outubro, com 1410 entrevistas, 7 regiões do RN, margem de erro 3%

PRESIDÊNCIA–Se a eleição fosse hoje no cenário ESTIMULADO: Fernando Haddad 45,46% Bolsonaro 34,54%% Nenhum 11,42% Não sabe 8,37% Não respondeu 0,21%

Deixe seu comentário

Bolsonaro diz que, se depender dele e o Congresso aprovar, não haverá mais progressão de pena nem saídas temporárias de presos

14 Out2018

Por Jbelmont às 21h39

 

O candidato do PSL, Jair Bolsonaro, disse final de semana que, no que depender dele, e se o Congresso aprovar, não haverá mais progressão de pena nem saídas temporárias para presos.

Bolsonaro passou o dia no Rio de Janeiro, onde participou de gravações para a propaganda eleitoral. Ele saiu de casa, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade, por volta das 9h da manhã.

O candidato foi até o Jardim Botânico, na Zona Sul, para gravar o programa eleitoral. Depois, ele respondeu a perguntas de jornalistas e falou sobre a sua participação em debates.

“Não é questão que mudou, é questão de estratégia. Eu estou impossibilitado de ir, por recomendação médica, até quinta-feira. Não sei qual vai ser o parecer. Se ele der o parecer favorável, eu vou ver estrategicamente se é o caso de ir ou não. O [candidato do PT, Fernando] Haddad quer tanto debater comigo, não é isso? É sinal que interessa para ele”, afirmou.

Mais cedo, Bolsonaro explicou o que pretende fazer para combater a violência.

“A primeira é escalar o time, é dessa forma. A outra, um pacote de medidas para que nós possamos, num primeiro momento, diminuir a violência em nosso Brasil. Eu tenho uma máxima: eu não quero ninguém sofrendo, sendo torturado, passando necessidade numa cadeia. Mas, no que depender de mim, a polícia no encarceramento se fará presente. E o conselho que eu dou agora para quem quer fazer a maldade, se não quiser ir para lá, não faça maldade. Passa por aí. O ser humano só respeita o que ele teme. E nós temos que mostrar para o ser humano que, se ele cometer um crime, ele vai pagar e, no que depender de mim também e do parlamento, obviamente, não teremos progressão de pena, muito menos ‘saidões’”, afirmou.

O candidato também comentou o que espera da oposição se for eleito.

“Eu acho que eu vou ter a menor oposição. A gente está bem com a bancada ruralista, que é muito grande, evangélica, da segurança, do turismo. O PSDB também… vai vir por gravidade. São coisas que interessam para o Brasil. Se o Parlamento fizer uma oposição às propostas que nós temos, que algumas já vêm sendo colocadas na mesa há algum tempo, o Brasil vai para o buraco. Eu não quero impor nada nem tenho como impor. Mas as nossas propostas, em momento nenhum, exigirão mais sacrifícios à população”, disse.

Às 14h, Jair Bolsonaro voltou para casa. Assessores disseram que ele não recebeu visitas e aproveitou a maior parte do tempo para descansar.

G1

Deixe seu comentário

Placar e Classificação do Campeonato Brasileiro Série A

14 Out2018

Por Jbelmont às 21h10

29ª Rodada

Flamengo-RJ 3x0 Fluminense-RJ
Santos-SP 1x0 Corinthians-SP
Bahia-BA 2x0 Paraná-PR
Chapecoense-SC 0x1 Vitória-BA
Vasco da Gama-RJ 2x0 Cruzeiro-MG
Palmeiras-SP 2x0 Grêmio-RS
Internacional-RS 3x1 São Paulo-SP
Atlético-MG 0x0 América-MG
Atlético-PR 4x0 Sport-PE
Ceará-CE 0x0 Botafogo-RJ Segunda

CLASSIFICAÇÃO PG JG VI SG

1 Palmeiras-SP 59 29 17 27
2 Internacional-RS 56 29 16 19
3 Flamengo-RJ 55 29 16 22
4 São Paulo-SP 52 29 14 13
5 Grêmio-RS 51 29 14 19
6 Atlético-MG 46 29 13 13
7 Santos-SP 42 29 11 7
8 Atlético-PR 39 29 11 12
9 Fluminense-RJ 37 29 10 -5
10 Cruzeiro-MG 37 28 9 -3
11 Corinthians-SP 35 29 9 1
12 Bahia-BA 34 29 8 -4
13 Vasco da Gama-RJ 34 29 8 -6
14 Botafogo-RJ 34 28 8 -10
15 América-MG 33 29 8 -9
16 Vitória-BA 32 29 9 -21
17 Chapecoense-SC 31 29 7 -13
18 Ceará-CE 30 27 7 -7
19Sport-PE 27 29 7 -24
20Paraná-PR 17 29 3 -31

Deixe seu comentário

Mega-Sena, concurso 2.087: aposta do Marabá, no Pará, leva prêmio de R$ 27 milhões

14 Out2018

Por Jbelmont às 01h04

Mega-Sena: concurso 2.087 foi realizado nesta sábado (13) — Foto: Marcelo Brandt/G1

Um único apostador, do Marabá, no Pará, acertou as seis dezenas do concurso 2.087 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (13) no município de Joaçaba (SC).

Veja as dezenas sorteadas: 02 - 18 - 19 - 23 - 34 - 53

A quina teve 52 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 41.598,96. Outras 4.898 apostas acertaram a quadra; cada uma receberá R$ 630,91.

O próximo concurso, 2.088, será na quarta-feira (17). O prêmio é estimado em R$ 2,5 milhões.

Deixe seu comentário

PSB anuncia apoio à candidatura de Fátima Bezerra

13 Out2018

Por Jbelmont às 19h49

 

O PSB do Rio Grande do Norte anunciou, na manhã deste sábado (13), apoio à candidatura ao Governo do Estado da senadora Fátima Bezerra (PT).

O anúncio foi feito na sede do Diretório Estadual do partido, em Natal, pelo seu presidente, o deputado federal Rafael Motta, e contou com representações de 70 municípios.

“Apesar de existir um entendimento nacional entre os partidos, essa é uma escolha com motivações locais. Conheço Fátima e nós defendemos muitas bandeiras juntos, em Brasília. Além disso, a cada discussão interna, na legenda, o apoio à sua candidatura saía mais fortalecido. Os socialistas querem dar esse voto nela”, disse Rafael.

Fátima Bezerra disse que estava muito à vontade em caminhar ao lado do PSB. “Este partido tem uma história de luta em defesa da democracia. Temos muitas afinidades, muitas bandeiras em comum. Inclusive, já era para estarmos juntos desde o primeiro turno. O apoio do PSB fortalece a nossa caminhada rumo à vitória”, falou Fátima.

O anúncio contou com a presença da senadora eleita Zenaide Maia (PHS), dos deputados estaduais Ricardo Motta (PSB) e Carlos Augusto Maia (PCdoB), que não foram reeleitos, e do vereador de Natal Franklin Capistrano (PSB), além das lideranças dos municípios representados.

Heitor gregório

Deixe seu comentário

Carlos Eduardo recebe novos apoios de prefeitos, lideranças e convoca à vitória

13 Out2018

Por Jbelmont às 19h47

 A campanha do candidato ao Governo do Rio Grande do Norte e ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo, recebeu na manhã deste sábado, na sede do diretório estadual do Partido Democrático Trabalhista – PDT, o apoio de seis prefeitos que votaram em outros candidatos no primeiro turno. 


Confirmaram apoio a Carlos Eduardo os chefes do Executivo dos Municípios de Maxaranguape (Luiz Eduardo – PSD), Japi (Jodoval Pontes – MDB), São Tomé (Anteomar Pereira “Baba” – PSD), Vera Cruz (Marcos Cabral – PSB), Passa e Fica (Léo Lisboa – PSD) e Bodó (Marcelo Porto – PSD).

Além dos novos prefeitos, durante reunião na sede do PDT, Carlos Eduardo recebeu a confirmação de vários outros prefeitos e lideranças políticas de diversos municípios do interior. O candidato destacou a
importância da participação de todos na campanha, com objetivo de conquistar a vitória nas urnas no próximo dia 28, enfatizando a aliança com o candidato a Presidente Jair Bolsonaro(PSL). “Firmamos essa aliança pois o Rio Grande do Norte está numa situação de grave crise que não pode ser agravada nas mãos do PT”.

“Estamos agora numa nova eleição, com somente dois candidatos e nós temos ainda 15 dias para campanha. Vocês são lideranças importantes e essa liderança de cada um precisa ser confirmada. Temos um dever com o RN e temos que lutar por isso. Nossos estado tem que reagir. Outros estão conseguindo superar as dificuldades e sair da crise. Nós também precisamos seguir esse mesmo caminho”, afirmou Carlos Eduardo.

O deputado estadual Tomba Farias(PSDB), que anunciou apoio à dobradinha Carlos Eduardo/Bolsonaro defendeu que Carlos Eduardo é o mais preparado para tirar o Estado da crise. “Chegou a hora, não podemos perder tempo nem temos outro caminho. Temos que apoiar quem tem capacidade de Governar”, completou Tomba. “Precisamos eleger Carlos Eduardo, PT de jeito nenhum”.

Estiveram presentes cerca de 30
prefeitos, ex-prefeitos, vereadores e lideranças políticas de várias regiões.

Deixe seu comentário

22 mil estudantes são esperados para prova de seleção do IFRN no domingo (14)

13 Out2018

Por Jbelmont às 19h34

 

Um total de 21.985 estudantes são esperados neste domingo (14), em todo Rio Grande do Norte, nos locais de prova para o Exame de Seleção do IFRN. Os candidatos concorrem a 3.148 vagas em cursos técnicos de nível médio integrado ao ensino médio, distribuídas em 20 campi.

A prova será aplicada à tarde, das 13h às 17h. Os candidatos devem chegar até as 12h45, horário em que os portões serão fechados. O processo seletivo é formado por uma prova de Língua Portuguesa e uma de Matemática, cada uma com 20 questões de múltipla escolha, e uma produção textual.

Conforme o instituto, o candidato deve, obrigatoriamente, levar o documento original com foto usado no ato de inscrição. Também é preciso levar o cartão de inscrição, disponível no portal do candidato, para verificação do local de prova. As folhas de respostas devem ser preenchidas com caneta esferográfica azul ou preta fabricada em material transparente.

A expectativa é de que o gabarito das questões objetivas seja divulgado na página do processo seletivo na segunda-feira (15).

O candidato que ainda não sabe onde irá fazer a prova pode checar a informação no portal do candidato (aqui), onde também é possível conferir o edital da seleção.

G1

Deixe seu comentário

Três pesquisas serão divulgadas na próxima semana

13 Out2018

Por Jbelmont às 12h04

Começa a guerra dos números com 3 pesquisas registradas nesse segundo turno do Rio Grande do Norte.

Na segunda-feira, 15, o instituto Certus sai com o resultado das 1.410 entrevistas

As entrevistas começaram no dia 10 e estão sendo encerradas neste sábado.

Na quarta-feira, 17, estará apta a ser divulgada a do instituto Seta, que vai ouvir, de hoje até segunda-feira, 1.300 eleitores potiguares.

Na quarta-feira também será a vez do Ibope.

As 812 entrevistas começaram na quinta-feira e seguirão até a quarta.

 

Por Thaisa Galvão

Deixe seu comentário

Após atropelar e matar criança de 1 ano, jovem é espancado até a morte em Natal

13 Out2018

Por Jbelmont às 11h42


Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi


Um homem foi espancado até a morte após atropelar e matar uma criança de 1 ano e 4 meses no bairro Nazaré, em Natal, na noite de sexta (12).

De acordo com a Polícia Civil, o motociclista foi identificado como Mateus Miranda do Nascimento, de 18 anos. Ele estava empinando a moto pela Avenida Lima e Silva quando, próximo à Travessa Vila Viana, perdeu o controle do veículo e atropelou a criança. Kauan Henrique estava com a mãe no momento do acidente. Ele morreu na hora.

O motociclista tentou fugir do local do acidente correndo, mas foi pego por populares. Revoltados, eles espancaram Mateus Miranda até a morte. O jovem ainda levou uma facada no peito.

De acordo com o delegado Rysklyft Factore, os responsáveis pelo linchamento ainda não foram identificados, mas pelo menos cinco pessoas participaram do crime. Mateus Miranda não tinha passagem pela polícia.

Esse é o segundo caso de linchamento em Natal em dois dias. Na quinta-feira (11), um homem suspeito de assaltar um ônibus na Ribeira foi pego, amarrado pelo pescoço, arrastado pelo pescoço, espancado e baleado.

G1

Deixe seu comentário

Mega-Sena pode pagar R$ 27 milhões neste sábado

13 Out2018

Por Jbelmont às 09h18

Mega-Sena pode pagar R$ 27 milhões neste sábado (13) — Foto: Marcelo Brandt/G1

O concurso 2.087 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 27 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) deste sábado (13) no município de Joaçaba (SC

Deixe seu comentário

Fátima Bezerra (PT) faz caminhada com apoiadores na Zona Norte de Natal

13 Out2018

Por Jbelmont às 09h03

Candidata Fátima Bezerra (PT) fez caminhada na Zona Norte de Natal, nesta sexta-feira (12). — Foto: Mariana Rocha/Inter TV Cabugi


A candidata do PT ao governo do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra fez um caminhada durante a manhã desta sexta-feira (12) pelas ruas da Redinha, na Zona Norte de Natal. Ela estava acompanhada de apoiadores e conversou com moradores e comerciantes.

Aproveitando a data em que se comemora o Dia da Criança, a candidata disse que, se for eleita, vai aumentar o número de crecher e escolas em tempo integral no estado.

"Nós vamos fazer parceria com as prefeituras para termos mais vagas em creches para as nossas crianças. Além de nós estarmos contribuindo para que elas possam ter o seu desenvolvimento do ponto de vista cognitivo, você está dando uma grande contribuição às mulheres que precisam ir à luta em busca de emprego e vão deixar seus filhos em uma creche segura", afirmou.

G1 

 

Deixe seu comentário

Agripino perderá foro privilegiado em janeiro e ações contra ele devem correr na Justiça potiguar

13 Out2018

Por Jbelmont às 08h57

 

Tribunal Federal) que restringiu o foro especial de parlamentares deverá levar para a primeira instância da Justiça Federal uma série de inquéritos e ações penais da Lava Jato contra políticos que não conseguiram se reeleger neste ano.

Entre eles, o senador José Agripino Maia, que, diante das fortes rejeições, tentou disputar o cargo de deputado federal e perdeu. Isso significa que a partir de 2019 ele estará sem mandato e, provavelmente, sem foro privilegiado por prerrogativa de função. Agripino é réu em duas ações penais que surgiram no decorrer da Lava Jato. Uma delas trata do esquema de um possível esquema de corrupção e desvio de dinheiro na construção da Arena das Dunas. Ele é réu acusado de receber propina da OAS, empresa responsável pela execução da obra.

A remessa para a primeira instância não é automática. Depende de parecer da Procuradoria-Geral da República e de decisão do ministro relator em cada caso, o que só deverá ocorrer a partir de fevereiro de 2019, quando começa a nova legislatura e os não reeleitos ficarão sem mandato.

A regra, definida pelo plenário do Supremo em maio, é que o foro especial se restringe a crimes praticados no exercício do cargo e em razão dele.

Se o parlamentar perder a prerrogativa de foro durante a tramitação do processo, o inquérito ou a ação penal que não tiver chegado à fase de intimação das partes para alegações finais. 

BG

Deixe seu comentário

Haddad critica política armamentista e promete combater o racismo

13 Out2018

Por Jbelmont às 08h52

 

O candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, assistiu à missa de Nossa Senhora Aparecida ao lado da mulher, Ana Estela, e da vice na chapa, Manuela D’Ávila. Após o ato religioso, ele criticou a política armamentista defendida pelo candidato adversário Jair Bolsonaro.

A igreja visitada pelo candidato fica no Jardim Ângela, região com um dos maiores índices de violência da capital paulista. Um levantamento feito por ONGs mostrou que a expectativa de vida no local é de apenas 55 anos, contra 75 da média nacional.

No sermão, o padre disse que é preciso respeitar a vida e que a arma é um instrumento da morte. Logo depois da missa, Haddad repetiu a mensagem de repúdio à violência, num discurso para a comunidade.

“É impossível nós não concordarmos com que o que está sendo dito. Preservar a vida, combater violência, combater corrupção, preservar o meio ambiente e garantir a democracia. Alguém discorda disso aqui?”, disse o candidato.

Ele também se comprometeu a combater o racismo. “Nossa Senhora da Aparecida é uma santa muito importante, porque ela é negra e protetora dos escravos e nós temos também que compreender que nós temos que superar a cultura do racismo, que ainda existe no nosso país”, afirmou.

Na quinta-feira (11), ele teve uma reunião em Brasília com representantes da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Questionado sobre a influência da Igreja em seu eventual governo, Haddad disse que assumiu compromissos sobre princípios com os bispos.

“Os princípios que a Igreja Católica colocou são princípios que todas as pessoas valorizam: proteção da vida, proteção do meio ambiente, proteção da democracia, combate à violência”, concluiu Haddad.

Ele também se referiu ao Dia das Crianças, comemorado nesta quinta, e falou de propostas para a educação infantil.

“O São Paulo Carinhosa é um programa que pretendemos estender para todo o país. De proteção à criança e à adolescência. Temos uma meta de colocar toda criança a partir de 4 anos na escola. Vamos fazer uma busca ativa das crianças que ainda não estão na escola. Porque é obrigatória a matrícula a partir dos 4 anos”, afirmou.

Sobre o tema do meio ambiente, Haddad disse que vai estimular o aumento da produtividade de terra cultivada e investir parte das reservas cambiais em energias renováveis.

“Vamos aumentar a produtividade alterando uma tabela que é de 1975, que precisa ser alterada, que é de produtividade por hectare, dependendo da cultura que é plantada. E vamos investir pesado 10% das reservas cambiais em energia alternativa: biocombustível, energia eólica e energia solar”, completou o candidato.

Com informações do G1

Deixe seu comentário

Veja os políticos do RN que não conseguiram se eleger e ficaram sem mandatos

12 Out2018

Por Jbelmont às 21h16

Votação gerou mudanças e lideranças potiguares com histórico político ficaram sem mandatos.

Por Igor Jácome, G1 RN

A eleição de 2018 alterou o cenário político do Rio Grande do Norte e deixará sem mandato vários políticos e lideranças históricas do estado, a partir de 2019. Caso de dois senadores, quatro deputados federais, além de deputados estaduais. No caso do Senado, deixam a Casa Garibaldi Alves Filho (MDB) e José Agripino (DEM).

Aos 71 anos, Garibaldi tentou se reeleger para o terceiro mandato de senador, mas ficou em quarto lugar na disputa pelas duas vagas deste ano. Ele ocupa uma cadeira no Senado desde 1° de fevereiro de 2003, foi presidente da casa e do Congresso Nacional entre dezembro de 2007 e fevereiro de 2009 e se licenciou para ser ministro da Previdência, entre 2011 e 2015. O filho de Garibaldi, Walter Alves (MDB), conseguiu se reeleger deputado federal no último domingo.

Após 24 anos consecutivos no Senado, outra liderança da política potiguar que deixa a casa em 2019 é José Agripino Maia, de 73 anos, ex-presidente nacional do DEM. Neste ano, ele concorreu ao cargo de deputado federal, mas ficou na segunda suplência na coligação e não terá mandato a partir de janeiro. O atual deputado federal Felipe Maia (DEM), fiho de Agripino, também deixou de concorrer à reeleição para apoiar a candidatura do pai e não se candidatou a outro cargo. Ambos ficarão sem mandato.

No lugar dos senadores, vão assumir os cargos em 2019 o capitão Styvenson Valentim (Rede), em seu primeiro mandato eletivo, e a deputada federal Zenaide Maia (PHS).

Deputados federais
Entre os atuais deputados federais que não conseguiram reeleição estão Rogério Marinho (PSDB), que ficou conhecido nacionalmente como relator da reforma trabalhista. Ele tentou a reeleição, mas não obteve sucesso.

Além dele, Beto Rosado (PP) também disputou pelo retorno ao Congresso sem êxito.

Houve ainda o caso de Antonio Jácome (Podemos) que se candidatou ao Senado, mas não ganhou e ficará sem mandato; e Felipe Maia, já citado, que não concorreu.

Deputados Estaduais
Nove deputados deixam a Assembleia Legislativa, que conta com 24 cadeiras, porém, destes, um terá mandato a partir do próximo ano na Câmara Federal. É o caso de Fernando Mineiro (PT).

Ficarão sem mandato Ricardo Motta (PSB), Márcia Maia (PSDB), Carlos Augusto Maia (PCdoB), Larissa Rosado (PSDB), Jacó Jácome (PSD) e Gustavo Fernandes (PSDB), que tentaram reeleição, mas não conseguiram votos suficientes.
Já Dison Lisboa (PSD) teve o registro de candidatura impugnado e José Adécio (DEM) não disputou as eleições.

Deixe seu comentário

Boletos vencidos a partir de R$ 100 podem ser pagos em qualquer banco

12 Out2018

Por Jbelmont às 20h24

A partir deste sábado (13), os boletos com valor a partir de R$ 100, mesmo vencidos, poderão ser pagos em qualquer banco. A medida faz parte da nova plataforma de cobrança da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) que começou a ser implementada em julho do ano passado.

Para serem aceitos pela rede bancária, em qualquer canal de atendimento, os dados do boleto precisam estar registrados na plataforma. Segundo a Febraban, os clientes que tiverem boletos não registrados na Nova Plataforma, rejeitados pelos bancos, devem procurar o beneficiário, que é o emissor do boleto, para quitar o débito.

O novo sistema permite o pagamento em qualquer banco, independentemente do canal de atendimento usado pelo consumidor, inclusive após o vencimento, sem risco de erros nos cálculos de multas e encargos. Além disso, segundo a Febraban, o sistema traz mais segurança para a compensação de boletos, identificando tentativas de fraude, e evita o pagamento, por engano, de algum boleto já pago.

As mudanças estão sendo feitas de forma escalonada, tendo sido iniciada com a permissão para quitação de boletos acima de R$ 50 mil. Entretanto, em junho deste ano, após dificuldades de clientes para pagar boletos, a Febraban alterou o cronograma.

A previsão inicial era que a partir de 21 de julho deste ano fossem incluídos os boletos com valores a partir de R$ 0,01. A expectativa era de que em 22 de setembro o processo tivesse sido concluído, com a inclusão dos boletos de cartão de crédito e de doações, entre outros. Pelo novo cronograma, os boletos a partir de R$ 0,01 serão incluídos a partir do próximo dia 27 e os boletos de cartões de crédito, doações, entre outros, no dia 10 de novembro de 2018.

Segundo a Febraban, apesar de o sistema passar a processar documentos de menor valor, com volume maior, os bancos não preveem dificuldade na realização dos pagamentos, com base nos testes feitos nas fases anteriores. Com a inclusão e processamento desses boletos no sistema, a Nova Plataforma terá incorporado cerca de 3 bilhões de documentos – aproximadamente 75% do total emitido anualmente no país. Nas próximas fases, serão incorporados 1 bilhão de boletos de pagamento.

A Febraban lembra que a nova plataforma é resultado de uma exigência do Banco Central, com incorporação de dados obrigatórios, como CPF ou CNPJ do emissor, data de vencimento, valor, além do nome e número do CPF ou CNPJ do pagador.

Deixe seu comentário

Carlos Eduardo anuncia apoio a Bolsonaro para Presidente

12 Out2018

Por Jbelmont às 20h08

O ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT), que disputa o Governo do RN, anunciou nesta sexta-feira (12) apoio à candidatura de Jair Bolsonaro para Presidente da República.

 

Deixe seu comentário

Senador eleito não apoiará ninguém e deve deixar partido

12 Out2018

Por Jbelmont às 08h51

Styvenson conversou com Marina Silva (Foto: reprodução 


Em entrevista ao Jornal Regional (rede de rádios na região Seridó) desta quinta-feira (11), o Capitão Styvenson Valentim (REDE), eleito como o mais votado para o Senado, nas eleições de domingo (07) no RN, não descartou a possibilidade de deixar o REDE Sustentabilidade.

“Isso é uma questão de repensar. Eu conversei com Marina Silva (candidata à presidência da República), agradeci por ela ter disponibilizado a candidatura cidadã. Isso foi muito bom porque era o momento que eu precisava. É uma pena pois não sei se o partido vai continuar ou vai se fundir. Eu sempre disse que não tenho partidos e nem ideologias…”, explicou.

Na mesma entrevista, Styvenson também descartou qualquer possibilidade de declarar, oficialmente neste segundo turno um apoio a qualquer candidato que esteja na disputa. Isso deve valer tanto para o Governo como para a Presidência.

Do Blog Marcos Dantas via Carlos Santos

Deixe seu comentário

MDB adota neutralidade e vai liberar filiados no segundo turno, confirma Eunício

12 Out2018

Por Jbelmont às 08h40

 

O MDB vai adotar posição de neutralidade no segundo turno das eleições presidenciais, liberando seus filiados para apoiar Fernando Haddad (PT) ou Jair Bolsonaro (PSL), informou à Folha o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE).

O anúncio oficial da decisão está marcado para meio dia desta quinta-feira (11).

O martelo foi batido em reunião na noite desta quarta-feira, com participação do presidente Michel Temer e do presidente do MDB, senador Romero Jucá (MDB-RR).

“Acho o melhor caminho, para depois das eleições tomarmos o nosso rumo”, disse Eunício.

O senador, que não foi reeleito, afirma que não deve se envolver diretamente na campanha. Em entrevista dada nesta semana, porém, ele afirmou que vai manter a posição do primeiro turno, quando votou em Fernando Haddad.

Folhapress

Deixe seu comentário

Bolsonaro defende legislação trabalhista diferenciada para agronegócio

12 Out2018

Por Jbelmont às 08h37

 

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, defendeu nesta quinta-feira uma legislação trabalhista diferenciada para o setor de agronegócio, ao mesmo tempo que afirmou que não é contra os direitos trabalhistas.

Em entrevista à RedeTV!, Bolsonaro também disse que isentará do Imposto de Renda quem ganha até cinco salários mínimos e criará alíquota única de 20 por cento de IR para todas as demais faixas.

Deixe seu comentário

Quarenta municípios do RN tiveram FPM retido por dívidas com o Governo Federal

12 Out2018

Por Jbelmont às 08h31

Falta de repasse agrava a crise financeira nas cidades potiguares. 


Quarenta cidades do Rio Grande do Norte não receberão os repasses federais referentes a primeira cota de outubro do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Para ter direito aos recursos da União, os municípios não podem estar em dívida com o Governo Federal.

Confira abaixo a lista dos municípios do RN que tiveram a primeira cota do FPM de outubro retida:

Afonso Bezerra
Alto do Rodrigues
Antônio Martins
Arez
Baraúna
Bento Fernandes
Carnaubais
Encanto
Equador
Extremoz
Felipe Guerra
Florânia
Galinhos
Gov. Dix-sept Rosado
Grossos
Ielmo Marinho
Ipanguaçu
Janduis
João Câmara
Lagoa D'anta
Nova cruz
Parazinho
Pau dos Ferros
Pedra Grande
Pedro Velho
Pendências
Poço Branco
Porto do Mangue
Rio do Fogo
Santana dos Matos
Santo Antônio
São Bento do Norte
São Miguel do Gostoso
São Pedro
Senador Georgino Avelino
Tenente Laurentino
Tibau
Touros
Umarizal
Vila Flor

Deixe seu comentário