Lula segue na liderança da corrida presidencial, mostra Datafolha

10 Jun2018

Por Jbelmont às 08h51

 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está preso na Polícia Federal de Curitiba há dois meses, mesmo assim, segue na liderança da corrida presidencial deste ano, com 30% das intenções de voto, como mostra a mais recente pesquisa Datafolha, divulgada no início da madrugada deste domingo, 10.

Sem o petista na corrida presidencial, o deputado Jair Bolsonaro (PSL) continua à frente dos concorrentes, com 19%, seguido de Marina Silva (Rede), que oscila entre 14% e 15%, Ciro Gomes (PDT), que oscila entre 10 e 11%, Geraldo Alckmin (PSDB) com 7% e Alvaro Dias (Podemos) com 4%.

Apesar da liderança, Lula vem registrando queda na preferência do eleitorado. Em janeiro, o Datafolha indicava que ele tinha 37% e na pesquisa divulgada no dia 15 de abril, 31% no cenário mais favorável entre nove pesquisados. Na atual mostra, nos cenários em que o petista fica fora do páreo, mais de 1/3 do eleitorado ainda diz que está sem opção de voto. E os dois candidatos mais cotados para a sua vaga, o ex-prefeito Fernando Haddad (SP) e o ex-governador Jaques Wagner (BA), aparecem com apenas 1% na pesquisa.

Votos nulos, brancos e ‘não sabem’, com Fernando Haddad ou Jaques Wagner no lugar de Lula nessa disputa, chegam a 33%. Sem o PT no páreo, esses votos chegam a 34%. E com Lula na disputa, os que dizem não ter candidato ficam em torno dos 21%.

Nessa mostra, Manuela D’Ávila (PCdoB) e Rodrigo Maia (DEM) oscilam entre 1% e 2%; Aldo Rebelo (SDD), Fernando Collor de Mello (PTC), Flávio Rocha (PRB), Guilherme Afif (PSD), Guilherme Boulos (PSOL), João Amoêdo (Novo), João Goulart Filho (PPL), Josué Alencar (PR) e Levy Fidelix (PRTB), oscilam entre 0% e 1%. Paulo Rabello de Castro (PSC) não alcança 1% em nenhum cenário.

O candidato do presidente Michel Temer, o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles (MDB) aparece nessa mostra com apenas 1% das intenções de voto.

Rejeição

No quesito rejeição, o campeão é o ex-presidente Fernando Collor (PTC) com 39%, seguido de Lula (PT) com 36%, Bolsonaro (PSL) com 32%, Alckmin (PSDB) com 27%, Marina Silva (Rede) com 24% e Ciro Gomes (PDT) com 23%.

A mais recente pesquisa Datafolha, realizada entre os dias 6 (quarta-feira) e 7 (quinta-feira) deste mês, teve como base 2 824 entrevistas em 174 municípios em todos os Estados do País, mais Distrito Federal. A margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no TSE sob número BR-05110/201

Deixe seu comentário

Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 14 milhões na próxima quarta-feira

09 Jun2018

Por Jbelmont às 21h49

 
 
Nenhum apostador conseguiu acertar as seis dezenas sorteadas no concurso 2048 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado. Assim, o prêmio acumulou e, segundo a Caixa Econômica Federal (CEF), a projeção é que esteja por volta de R$ 14 milhões no sorteio da próxima quarta-feira.

Foram 36 apostas ganhadoras da quina, e cada uma receberá R$ 57.189,00. A quadra teve 3.611 vencedores, e cada um levará R$ 814,50.

 
As dezenas sorteadas foram: 10, 19, 26, 35, 38 e 39.
 
Deixe seu comentário

Evento reúne 2.505 mulheres tomando banho de mar nuas na Irlanda

09 Jun2018

Por Jbelmont às 17h17

Tentativa de bater recorde mundial serviu também para arrecadar dinheiro para crianças com câncer.

 

 

Um grupo de 2.505 mulheres tentou neste sábado bater o recorde mundial de "maior número de pessoas nadando nuas" na praia de Magueramore, próximo a Wicklow, na Irlanda.

O evento também serviu para arrecadar dinheiro para a Aoibheann's Pink Tie, uma entidade que cuida de crianças com câncer.

Evento reúne 2.505 mulheres tomando banho de mar nuas na Irlanda (Foto: Clodagh Kilcoyne/Reuters)

Deixe seu comentário

Posto que vendeu gasolina a R$ 9,99 no DF, na greve, é fechado pela BR Distribuidora

09 Jun2018

Por Jbelmont às 16h59

comércio vinha descumprindo regras da bandeira há dois anos, diz empresa. Polícia Civil investiga preço abusivo; outros postos no DF também adotaram preço.


Operários trabalham em posto fechado após vender gasolina a R$ 9,99 no DF (Foto: Marcela Lemgruber/G1)

A BR Distribuidora, controlada pela Petrobras, determinou o fechamento de um posto de combustíveis do Distrito Federal que, durante a greve dos caminhoneiros, vendeu o litro da gasolina a R$ 9,99.

G1 foi ao local em Águas Claras nesta sexta-feira (8), e se deparou com um canteiro de obras. A fachada já foi descaracterizada, e o acesso, coberto por tapumes de metal. A reportagem não conseguiu contato com o proprietário do posto para perguntar o que será feito no lote.

Segundo a empresa, o posto – que funcionava com a bandeira da Petrobras – já vinha descumprindo o contrato há cerca de dois anos. O preço abusivo, segundo a BR Distribuidora, foi "o ponto final da questão".

Posto de Águas Claras anunciou 'promoção' a R$ 9,99, durante a greve dos caminhoneiros (Foto: Reprodução)

A Petrobras não informou quais foram as outras normas descumpridas, mas explicou que "há recomendações" que o revendedor de uma distribuidora desse porte deve cumprir.

A lista inclui: comprar combustível apenas da distribuidora vinculada, participar das campanhas e promoções da rede, e fazer todos os pagamentos no prazo.

Ainda segundo a Petrobras, o posto que recebeu ordem de fechamento sempre pertenceu à bandeira BR. Há quatro meses, devido aos conflitos com a rede, a fachada foi "renomeada" para a sigla JR.

A distribuidora diz, ainda, que fez várias notificações extrajudiciais nos últimos anos. Sem sucesso, teve de recorrer à Justiça para garantir o fechamento do comércio.

Placa de posto fechado nesta sexta, no DF, indicando 'promoção' de gasolina a R$ 4,69 (Foto: Marcela Lemgruber/G1)

 

Relembre

 

O cartaz de R$ 9,99 surgiu na madrugada do último dia 24, quando os estoques de combustíveis no DF começaram a sumir. O motivo era a greve de caminhoneiros, que complicou o fluxo de produtos para a capital federal por quase duas semanas.

Pelo menos dois postos da região adotaram a mesma estratégia. O posto que foi fechado, da BR Distribuidora, fica a poucos metros de um outro, que opera sob a bandeira Ipiranga e foi flagrado pela redação da TV Globo naquela madrugada.

Mesmo com o valor abusivo, havia dezenas de carros enfileirados para encher o tanque. "Todos que estavam na fila abasteceram a esse preço", contou o servidor público Alex Nunes, naquele momento.

Os consumidores também informaram que o posto estava se recusando a emitir nota fiscal. Com as reclamações, cerca de meia hora depois do registro, o valor caiu para R$ 5,99 – uma cifra acima do que, depois, foi definido como "teto" para o combustível no DF.


Preço da gasolina a R$ 5,99, em posto que chegou a cobrar R$ 9,99 durante a greve (Foto: Reprodução/TV Globo)

Na época, ninguém do posto quis comentar o assunto. No dia 25, poucas horas após o flagrante, a Polícia Civil informou a abertura de uma investigação contra o estabelecimento. A suspeita é de aumento abusivo de preço, considerado crime contra a economia popular.

Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.

Deixe seu comentário

Cargos fantasmas serviam para comprar deputados na Assembleia Legislativa do RN, diz delatora

09 Jun2018

Por Jbelmont às 16h29

Ex-procuradora-geral da Casa, Rita das Mercês contou ao Ministério Público como o esquema acontecia.



Rita Mercês foi presa na Operação Dama de Espadas (Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi)

 

O acordo de delação foi fechado em decorrência da Operação Dama de Espadas, deflagrada pelo Ministério Público em agosto de 2015. A investigação abrange as administrações do deputado Ricardo Motta e também do governador Robinson Faria, quando eles estavam na presidência da Casa Legislativa do Estado.

G1 procurou o advogado de Robinson Faria, mas não conseguiu contato. No entanto, a assessoria de Comunicação do Governo do Estado enviou nota, em que diz que “O Governo do RN não irá se pronunciar sobre temas relacionados à operação Dama de Espadas, por se tratar de assunto já explicado à exaustão ao longo dos últimos três anos, de âmbito pessoal e anterior ao cargo de governador”

Os advogados de Ricardo Motta disseram que o deputado vai se manifestar nos autos do processo, e que “a delação não trouxe nenhum elemento novo de prova e que será comprovado que não houve nenhum dos fatos ali narrados e que a simples palavra do colaborador deve ser provada de forma cabal e não apenas por presunção”.

A delação foi homologada pelo ministro Edson Fachin, e o processo corre no Supremo Tribunal Federal (STF), porque há investigados que têm foro privilegiado.

Em seu depoimento, Rita das Mercês afirmou que todos os deputados sabiam do esquema. “O esquema, todos os deputados sabiam de como era a questão dos laranjas, dos fantasmas, porque isso é público e notório diante da Assembleia que o gabinete, que é mínimo, não cabe 60, 70 pessoas indicadas pelo deputado”, declarou.


Além de deputados, segundo a ex-procuradora, cargos foram ocupados por indicação de desembargadores do Tribunal de Justiça do RN, conselheiros do Tribunal de Contas, ex-governadores, deputados federais e senadores, além de prefeitos e vereadores de Natal e de cidades do interior, que também se beneficiariam financeiramente.

A maior parte dos cargos ficava com os deputados estaduais em exercício. “Geralmente, quando tinha uma votação de interesse do presidente, as vezes do Executivo, alguns deputados negociavam não eram nem cargos, eram valores que eram distribuídos em cargos. O deputado dizia: eu preciso de mais R$ 30 mil. Então esses R$ 30 mil eram distribuídos em cargos comissionados, gratificações”, afirmou Rita das Mercês.

De acordo com Rita, as vagas pertenciam à estrutura organizacional da Assembleia e eram negociadas pelo presidente de acordo com a “necessidade”. “Com Robinson aconteceu várias vezes, essas negociações. Tanto na reeleição quanto nas aprovações de projeto de lei. Mas aparecia mais essas negociações quando da reeleição do cargo para presidente. Ele foi presidente quatro vezes”, ressaltou. “Sempre que havia eleição para presidente, era uma nova negociação com os deputados”.

Ainda conforme a delação de Rita das Mercês, após as nomeações dos servidores ela recebia as informações para alimentar uma planilha com os nomes dos “fantasmas” e quem os tinha indicado. Em alguns casos, porém, ela afirma que não era possível saber quem era o autor da indicação. A planilha foi entregue pela delatora aos procuradores do Ministério Público.

“A coordenadoria de Recursos Humanos fazia os atos, as portarias, e depois ela me informava, porque o presidente, quando necessitava saber quanto um deputado tinha... Por exemplo, o deputado fulano de tal exigia mais dinheiro. Ai o presidente precisava saber quanto o deputado já tinha em folha. A gente tinha que informar”, disse.

 

Judiciário na delação

 

Nas planilhas de Rita das Mercês não constam nomes apenas de deputados. Desembargadores do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, magistrados que ocupam o mais alto cargo do judiciário estadual, também estariam envolvidos na indicação de servidores fantasmas do Poder Legislativo. Em contrapartida, deputados também indicavam pessoas para cargos no Judiciário, de acordo com a delatora.

Pelo menos oito dos 15 desembargadores ativos e dois aposentados contavam com cargos no Legislativo. Conforme Rita das Mercês, parte dos servidores indicados pelos magistrados trabalhava no Legislativo. Outros não. Questionada pelo MP sobre o motivo dessas indicações, Rita afirmou que acreditava ser para manter um “bom relacionamento com os representantes do Poder Judiciário do Estado”.

Deputados com cargos na Justiça


Da mesma forma que desembargadores teriam feito pedidos aos deputados para inclusão de pessoas ligadas a eles na folha de pessoal da Assembleia, parlamentares teriam feito indicações para cargos no Tribunal de Justiça. A delatora afirmou que ouviu falar de indicações de deputados, mas confirmou apenas uma de que tinha conhecimento.

De acordo com Rita, ela indicou uma neta por sugestão do deputado Ricardo Motta (PSB). Porém, houve uma condição: metade do salário ficaria com o próprio deputado. “Ele chegou na minha sala, disse que tinha um cargo e se eu tinha alguém para indicar, por que ele não tinha de nível superior. E eu falei que tinha uma neta e indiquei. Ele disse que a metade do salário era dele”, disse aos investigadores.

G-1

Deixe seu comentário

Ritinha das Mercês na sua delação acusa gente da imprensa

09 Jun2018

Por Jbelmont às 09h25

Nos anexos mapeados, ela também indicou a existência ainda de profissionais da imprensa como beneficiários de um esquema que consistia em inserir nomes na folha de servidores da ALRN, sem a devida contraprestação.

Deixe seu comentário

Delação de Rita das Mercês reitera e generaliza acusações sobre TODOS os poderes do RN

09 Jun2018

Por Jbelmont às 09h09

Por Bruno Giovanni

O BlogdoBG teve acesso a parte da coloboração da ex-procuradora da Assembleia, Rita das Mercês. Em delação feita ao Ministério Público Federal, a ex-procuradora da Assembleia Legislativa, Rita das Mercês, implicou membros de todos os poderes do Rio Grande do Norte, apesar das acusações já terem sido tratadas em ações como as operações “Dama de Espadas” e “Anteros”.

Foram nove desembargadores citados entre atuais e aposentados, quatro ex-governadores, o atual governador, cinco deputados federais, um ex-deputado federal, dois senadores, um ex-senador, mais de 20 deputados e ex-deputados estaduais, oito conselheiros do TCE e outro políticos.

Também há referências a dois promotores do Ministério Público do Rio Grande do Norte.

Nos anexos mapeados, ela também indicou a existência ainda de profissionais da imprensa como beneficiários de um esquema que consistia em inserir nomes na folha de servidores da ALRN, sem a devida contraprestação.

As acusações deverão gerar implicações sobre órgãos de controle, como os conselhos nacionais do Justiça e do Ministério Público, para apurar eventuais ilícitos nos órgãos.

Os 14 anexos de sua delação constam da ação penal que está tramitando na Justiça Estadual, foro da Operação Dama de Espadas.

Deixe seu comentário

PM é morto com tiros na cabeça na Zona Norte de Natal; suspeito morre em confronto com a polícia

08 Jun2018

Por Jbelmont às 22h33

Crime aconteceu na tarde desta sexta-feira (8) no bairro Nova Natal.

Policial Melqui Djalcy Rodrigues foi morto em frente a uma loja de material de construção (Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi)

Um policial militar morreu depois de ser atingido por tiros na cabeça em uma loja de material de construção no bairro Nova Natal, Zona Norte da capital, na tarde desta sexta-feira (8). De acordo com a PM, o cabo Melqui Djalcy Rodrigues tinha 41 anos de idade e pertencia ao 4º Batalhão da corporação. Este foi o 15º PM assassinado neste ano.

Um homem suspeito de ter matado o policial trocou tiros com a PM no conjunto Parque dos Coqueiros, também na Zona Norte, e morreu depois de dar entrada no hospital. Ele usava tornozeleira eletrônica, cumpria pena fora da cadeia. Uma mulher, que também usa o equipamento de monitoramento, foi conduzida à delegacia sob suspeita de participar do crime.

Segundo informações da PM, duas pessoas chegaram em um carro branco, armadas, e abordaram o cabo Melqui. Um dos suspeitos estava com um capacete de construção civil, segundo testemunhas. Foi o homem que atirou contra o policial.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, os disparos atingiram a testa de Melqui Rodrigues. Ele ainda foi socorrido e levado ao Hospital Santa Catarina, na Zona Norte, mas morreu antes de chegar à unidade de saúde.

O PM fazia bico de segurança no estabelecimento em que ocorreu o crime e estava trabalhando quando foi assassinado. A arma dele foi levada pelos bandidos. A polícia afirma que o crime tem características de execução.

 
 G1

 

Deixe seu comentário

EM BUSCA DO HEXA: Seleção faz FOTO oficial da Copa; confira ainda calendário

08 Jun2018

Por Jbelmont às 14h22

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

 

A seleção brasileira já tem a foto oficial para a Copa do Mundo. Já com a numeração que vão utilizar no Mundial da Rússia, os 23 jogadores aparecem acompanhados dos 10 integrantes da comissão técnica. O registro foi feito após o treino desta sexta-feira, último dia da delegação em Londres após quase duas semanas de preparação na Inglaterra. O grupo deixa a concentração por volta das 11h (de Brasília) e segue em seguida para Viena, onde enfrentará a Áustria em amistoso no próximo domingo.

Confira os jogadores e integrantes da comissão técnica

Em pé: Marquinhos, Filipe Luis, Danilo, Marcelo, Ederson, Alisson, Cássio, Renato Augusto, Casemiro, Paulinho, Fernandinho e Geromel;

No meio: Ricardo Rosa (preparador físico), Fábio Mahseredjian (preparador físico), Rodrigo Lasmar (médico), Taffarel (treinador de goleiros), Edu Gaspar (coordenador de Seleções), Tite (técnico), Cléber Xavier (auxiliar técnico), Sylvinho (auxiliar técnico), Fernando Lázaro (analista de desempenho) e Matheus Bachi (auxiliar técnico e tecnológico);

Sentados: Roberto Firmino, Taison, Philippe Coutinho, Thiago Silva, Gabriel Jesus, Miranda, Neymar, Fágner, Fred, Willian e Douglas Costa.

* da esquerda para a direita

 

Deixe seu comentário

Parte de camarote desaba durante show de Aviões na Estação das Artes em Mossoró

08 Jun2018

Por Jbelmont às 10h50

Parte do camarote TCM/Futebol Bets desabou durante a apresentação da Banda Aviões do Forró, na Estação das Artes Elizeu Ventania, no início da madrugada desta sexta-feira (8).

O cantor "Xand Avião" se apresentava no principal palco do Mossoró Cidade Junina, quando interrompeu o show, surpreendido com o desabamento do camarote ao lado. A transmissão oficial, que acontecia ao vivo pelo Canal 10 da TCM/95 FM, chegou a ser abruptamente suspensa, retornando 10 minutos depois.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou rapidamente ao local e levou algumas pessoas feridas para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM). As primeiras informações são de ferimentos leves

A Prefeitura de Mossoró lançou nota, na madrugada desta sexta-feira (8) sobre o desabamento em parte do camarote TCM/Futebol Bets, durante show da banda Aviões do Forró, que abriu o Mossoró Cidade Junina.


Em nota, afirmou que "não tem responsabilidade sobre a montagem e exploração do camarote privado" e que vai "exigir da empresa responsável explicações e providências".

O blog publica a nota na íntegra.

A Prefeitura de Mossoró lamenta o acidente ocorrido na noite desta quinta (07) em camarote privado, durante show do cantor Xand Avião, e aciona os órgãos fiscalizadores para apuração das causas do desabamento de parte da estrutura.

O Município informa que os atendimentos foram realizados emergencialmente pelo SAMU e Comunidade de Saúde, que está de plantão para o evento, com o auxílio de brigadistas contratados para o Mossoró Cidade Junina. O Corpo de Bombeiros também realizou os procedimentos no local, auxiliando na evacuação do espaço.

As primeiras informações são de que as poucas pessoas envolvidas no acidente tiveram ferimentos leves.

A Prefeitura não tem responsabilidade sobre a montagem e exploração do camarote privado, mas vai exigir da empresa responsável explicações e providências que garantam a segurança e evitem qualquer possibilidade de risco desta estrutura particular no evento.


 

Do Camera

Deixe seu comentário

Temer cede a caminhoneiros e revoga nova tabela do frete

08 Jun2018

Por Jbelmont às 10h41

O presidente Michel Temer cedeu novamente aos caminhoneiros autônomos e recuou da adoção de nova tabela mínima do frete anunciada nessa quinta-feira (7).

Em reunião com representantes da categoria, no início da noite, o ministro dos Transportes, Valter Casimiro, informou que a medida será revogada e marcou novo encontro nesta sexta-feira (8) para discutir a formulação de uma nova tabela.

“Essa nova resolução trouxe algumas questões que precisam ser revistas e foi uma resolução do Ministério dos Transportes que a gente torne essa nova resolução sem efeito”, disse o ministro, em vídeo divulgado pelas entidades dos caminhoneiros.

O governo federal cedeu à pressão da categoria contra o fato de a nova tabela ter trazido, em média, uma redução de 20% do preço médio em relação primeira tabela, uma reivindicação que vinha sendo feita sobretudo pelo setor do agronegócio.

Além dos caminhoneiros, o setor privado tem se articulado para derrubar a tabela de preço mínimo no Congresso Nacional ou no Poder Judiciário. As empresas de transporte não querem pagar a conta de um expressivo aumento do custo do frete rodoviário.

A ideia do Palácio do Planalto, ao publicar uma nova versão da medida nessa quinta-feira (7), era acalmar tanto o setor produtivo quanto o setor de transporte para que uma nova medida fosse formulada, com a participação de ambos, em audiências públicas convocadas pela ANTT (Agência Nacional dos Transportes Terrestres).

A estratégia, contudo, não teve êxito e acabou criando uma nova crise governamental. A CNI (Confederação Nacional da Indústria) e a CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil) passaram a estudar ações judiciais contra a medida.

Folha de São Paulo

Deixe seu comentário

Placar e Classificação do Campeonato Brasileiro Série A

08 Jun2018

Por Jbelmont às 00h09

10ª Rodada

São Paulo-SP 0x0 Internacional-RS
Vitória-BA 1x0 Chapecoense-SC
Botafogo-RJ 0x0 Ceará-CE
Sport-PE 1x0 Atlético-PR
Corinthians-SP 1x1 Santos-SP
Cruzeiro-MG 1x1 Vasco da Gama-RJ
Grêmio-RS 0x2 Palmeiras-SP
Paraná-PR 1x0 Bahia-BA
Fluminense-RJ 0x2 Flamengo-RJ
América-MG 1x3 Atlético-MG

CLASSIFICAÇÃO PG JG VI SG

1Flamengo-RJ 23 10 7 12
2 Sport-PE 18 10 5 1
3 Palmeiras-SP 17 10 5 7
4 Atlético-MG 17 10 5 3
5 Cruzeiro-MG 17 10 5 3
6 São Paulo-SP 17 10 4 3
7 Grêmio-RS 16 10 4 5
8 Internacional-RS 16 10 4 4
9 Corinthians-SP 15 10 4 4
10 Fluminense-RJ 14 10 4 1
11 América-MG 13 10 4 -3
12 Botafogo-RJ 13 10 3 0
13 Vasco da Gama-RJ 12 9 3 0
14 Vitória-BA 11 10 3 -4
15 Santos-SP 10 9 3 -2
16 Chapecoense-SC 10 10 2 -7
17 Atlético-PR 9 10 2 -2
18 Paraná-PR 9 10 2 -7
19 Bahia-BA 8 10 2 -8
20 Ceará-CE 4 10 0 -10

Deixe seu comentário

Fachin rejeita quebra de sigilo telefônico de Temer

07 Jun2018

Por Jbelmont às 21h56

 

 

Ministro do STF, contudo, autorizou medida contra Eliseu Padilha e Moreira Franco


O ministro Edson Fachin, durante sessão do Supremo Tribunal Federal - Ailton de Freitas/Agência O Globo/06-06-2018

BRASÍLIA — O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), rejeitou nesta quinta-feira a quebra de sigilo telefônico do presidente Michel Temer, solicitada pela Polícia Federal (PF) no inquérito que investiga o repasse de R$ 10 milhões da Odebrecht para o MDB. Fachin, contudo, autorizou a medida contra os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Minas e Energias), alvos da mesma investigação.

 

A decisão de Fachin segue o posicionamento da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que reforçou o pedido feito pela PF em relação a Padilha e Moreira, mas não defendeu a mesma medida contra Temer.

Deixe seu comentário

PM prende suspeitos de envolvimento no ataque criminoso contra a base dos Bombeiros em Mossoró

07 Jun2018

Por Jbelmont às 14h31

 
Quatro indivíduos, dois menores e dois maiores, foram detidos na manhã desta quinta feira 07 de junho, pela Polícia Militar, suspeitos de envolvimento com o ataque criminoso contra a base do Corpo de Bombeiros, ocorrido na madrugada de hoje na BR 304 onde duas viaturas foram incendiadas e o prédio metralhado.

 Os suspeitos foram localizados e presos no Conjunto Jardim das Palmeiras na região das Malvinas pela Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (ROCAM) e de acordo com o Fiscal de Operações do 12º BPM, Sgt Renixon, os policiais encontraram cartezes com salve da facção criminosa PCC.
 
Um dos presos identificado como Renato Dantas de Souza, " Paulista" seria o líder da facçao naquela região. Outro suspeito identificado como Andrew Willians Santiago da Silva, preso de justiça com uso de tornozeleira eletrônica, foi pego com uma motocicleta Honda de placa OJR 3859 Mossoró-RN com queixa de roubo. 
 
Os presos, Renato Dantas de Souza "o Paulista" 50 anos de idade , Andrew Willians Santiago da Silva 21 anos de idade, e os dois menores apreendidos foram encaminhados à delegacia de Plantão para os procedimentos.
 
Renato Dantas foi autuado por tentativa de homicídio, já que atiraram contra o prédio do corpo de bombeiros com policiais dentro e associação criminosa, sendo o mesmo encaminhado a Cadeia Pública de Mossoró.
 
Fim da Linha
Deixe seu comentário

Agências bancárias, lotérica e lojas são arrombadas em três municípios do RN

07 Jun2018

Por Jbelmont às 09h39

Crimes aconteceram na madrugada desta quinta-feira (7) nas cidades de Angicos, Lagoa Salgada e Ceará-Mirim.

Casa lotérica arrombada em Ceará-Mirim na madrugada desta quinta-feira (7). (Foto: Redes socias )

 
Angicos


Em Angicos, bandidos arrombar a agência do BB. Um malote de dinheiro foi levado (Foto: Clayton Carvalho/Inter TV Cabugi)

No município de Angicos, na região Central potiguar, os bandidos arrombaram a agência do Banco do Brasil e levaram um malote de dinheiro. De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu por volta das 3h. Pelo menos oito homens participaram da ação. Eles fugiram em dois carros.

A PM disse que chegou ao local no momento da fuga. Houve troca de tiros, mas ninguém foi ferido. Os criminosos ainda espalharam grampos de ferro pela rodovia, e levaram duas pessoas como reféns. Ambas foram libertadas instantes depois.

 

Lagoa Salgada

 

No município de Lagoa Salgada, na região Agreste, três carros com cerca 10 pessoas invadiram a cidade e arrombaram a agência do Bradesco. Uma farmárcia e um posto de combustíveis também foram alvo dos assaltantes.

De acordo com a PM, a ação criminosa conteceu por volta das 3h. Antes dos arrombamentos, os bandidos espalharam grampos pela via que dá acesso à cidade e usaram um caminhão para obstruir a passagem de outros veículos. Além disso, o dono do caminhão e um vigia de rua foram feitos reféns, mas liberados em seguida.

 

Nada foi levado do banco. Na farmácia e no posto, foram roubados vários produtos.


Ceará-Mirim

 
Em Ceará-Mirim, na Grande Natal, cinco homens em dois carros arrombaram uma casa lotérica no centro da cidade. De acordo com o dono do estabelecimento, os criminosos chegaram a ter acesso ao cofre, mas por algum motivo não conseguiram levar.

Durante a ação, moradores ouviram vários disparos de tiros pela cidade. Ninguém foi preso.

Deixe seu comentário

Terrorismo: Base do Corpo de Bombeiros é metralhada e duas viaturas são incendiadas na madrugada de hoje em Mossoró

07 Jun2018

Por Jbelmont às 09h31

O ataque criminoso à base do Corpo de Bombeiros, localizada no antigo Posto da Policia Rodoviária Federal, na BR 304 saída para Natal aconteceu por voltas das 02h da madrugada de hoje, 07 de junho.

Segundo informações, cerca de quatro criminosos saíram a pé de um matagal, metralharam a vidraça do prédio, jogaram gasolina nos veículos e atearam fogo nas viaturas da corporação.

Ainda segundo informações os carros queimados eram um Fiesta e uma ambulancia com equipamentos de ponta, do Regaste do Corpo de Bombeiros, que tambem auxiliava o Samu de Mossoró nas ocorrencias de resgate e primeiros socorros a vitimas de acidentes em Mossoró.

 

O CÂMERA

Deixe seu comentário

Mega-Sena acumula, e próximo concurso deverá pagar R$ 9,5 milhões

06 Jun2018

Por Jbelmont às 21h29

Não houve vecedores no concurso 2.047 da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira.
Os números sorteados foram: 01, 18, 19, 29, 44 e 54. O próximo sorteio deve pagar R$ 9,5 milhões.

A Quina teve 30 apostas vencedores, que receberão, cada, R$ 55.914,69.

A Quadra registrou 2.390 apostas ganhadoras. O prêmio para cada uma delas será de R$ 1.002,65.

Deixe seu comentário

Líder Comunitário do Alto de São Manoel reivindica melhorias para o bairro

06 Jun2018

Por Jbelmont às 20h57

O líder comunitário Clauro Maurício, presidente da Associação de Moradores do Alto de São Manoel, utilizou a tribuna popular, na manhã dessa quarta-feira (06), para reivindicar a manutenção de ruas e calçadas do bairro.

Clauro enumerou logradouros que estão com problemas de infraestrutura tanto no calçamento como na via, como Rua das Flores, Rua São Luiz, Rua Delmiro Rocha e Rua General Péricles. “Os moradores encontram dificuldades em transitar nessas ruas, por isso vim aqui solicitar atenção para nosso bairro”, declarou.

Programa do Leite

Clauro aproveitou o espaço para reclamar sobre o atraso na entrega do leite, pelo Programa do Leite do Governo do Estado. “Faz quatro semanas que não estamos recebendo o leite no bairro. Queremos uma resposta do governador Robson sobre essa situação”, finalizou.

Os vereadores presentes na sessão ordinária se prontificaram em repassar as reivindicações aos órgãos competentes para que as providências sejam tomadas.

 

Aline Couto registra pleitos para Conjunto Santa Júlia e imediações 

A vereadora enumerou algumas solicitações como iluminação e limpeza de logradouros

 

 

 A vereadora Aline Couto (PSH) citou, durante a sessão ordinária dessa quarta-feira (06), solicitações que fez junto à prefeitura para a realização de obras no Conjunto Santa Júlia, abolição V e bairros próximos.

“Na entrada do Conjunto Santa Júlia, solicitamos junto à Secretaria Municipal de Infraestrutura a iluminação do trecho que dá acesso ao Conjunto Alfredo Simonetti. Pedimos também a limpeza desses bairros e melhoria nas ruas. Outro pedido da população foi que o transporte público que vai ao Abolição V também dê assistência ao Conjunto Santa Júlia”, destacou a vereadora.

A vereadora finalizou o discurso afirmando que continuará levando as reivindicações da população aos órgãos competentes. “Fica aqui o registro dessas solicitações, dessas batalhas, estamos sempre buscando soluções para os problemas enfrentados pela população mossoroense”.

Deixe seu comentário

Caminhoneiros prometem nova greve se tabela de fretes for alterada

06 Jun2018

Por Jbelmont às 19h44

Caminhoneiros paralisaram atividades por 11 dias e tabela de preço mínimo do transporte rodoviário foi uma das promessas do governo para interromper a greve (Miguel Schincariol/AFP)

Enquanto as empresas transportadoras se movimentam para mudar a tabela do frete mínimo, os caminhoneiros acompanham, ressabiados, o andamento das negociações em Brasília. Nesta quarta-feira 6, o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, disse que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) vai buscar uma readequação para os valores previstos na tabela.

Nas redes sociais, os motoristas temem que o lobby dos grandes grupos consiga derrubar a tabela recém-instituída pelo governo como contrapartida ao fim da greve. Mas eles prometem resistir. “Se essa tabela cair, vai ter uma greve pior que a última. E aí não vai ter negociação, pois eles vão querer provar para o mundo que são fortes, vai ser uma grande revolta”, diz Ivar Luiz Schmidt, representante do Comando Nacional do Transporte (CNT) e que foi o grande líder da paralisação de 2015.

Foi ele quem criou os primeiros grupos de caminhoneiros no WhatsApp para organizar os protestos daquele ano. Hoje, Schmidt participa de quase noventa grupos na rede. “Está todo mundo só esperando que a tabela seja derrubada para parar tudo de novo”, afirma. “E, pelo que estou vendo no WhatsApp, pode ter certeza de que isso vai acontecer.”

A tabela de preço mínimo do transporte rodoviário – definida às pressas pelo governo para interromper a greve na semana passada – é considerada a maior vitória dos caminhoneiros nos últimos tempos. Mas, diante da reação do empresariado (principalmente representantes do agronegócio), eles começam a temer que essa conquista esteja com os dias – ou horas – contados.

“Não vejo coisa muito boa vindo pela frente, mas vamos lutar para encontrar um meio-termo para ambas as partes”, afirma o presidente da Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam), José Fonseca Lopes, que esteve à frente das negociações com o governo na greve encerrada na semana passada. Ele deve participar nesta quarta-feira 6 de uma reunião com a Casa Civil para discutir o assunto. “Esperamos encontrar um denominador comum que não prejudique o caminhoneiro. Caso contrário, podem esperar uma nova rebelião.”

O presidente da Abcam afirma que uma tabela de preço mínimo vinha sendo negociada no Congresso antes da greve e de a medida provisória ser emitida. Schmidt afirma que desde 2016 essa proposta vem sendo negociada, sem sucesso – com as condições precárias de trabalho dos motoristas de caminhão no Brasil sendo ignoradas.

“Hoje, não existe categoria mais massacrada que o caminhoneiro. Há trinta anos esse profissional vem sendo explorado”, diz Schmidt, do CNT. Na avaliação dele, se os motoristas autônomos permitirem que o governo elimine essa tabela em favor das transportadoras, eles estarão perdendo uma grande oportunidade de melhorar a qualidade de seu trabalho.

Veja, com EstadãO

Deixe seu comentário

PF pede quebra de sigilo telefônico de Temer, Moreira e Padilha em caso Odebrecht

06 Jun2018

Por Jbelmont às 19h36

Foto: Givaldo Barbosa/ O Globo

A Polícia Federal (PF) pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a quebra do sigilo telefônico do presidente Michel Temer e de seus ministros mais próximos, Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Minas e Energia), referente ao ano de 2014. O objetivo é aprofundar a investigação sobre o pagamento de R$ 10 milhões que teria sido feito pela Odebrecht e acertado em um jantar no Palácio do Jaburu, residência oficial de Temer, naquele ano. Os investigadores buscam rastrear telefonemas feitos entre eles nas datas próximas das entregas de dinheiro em espécie relatadas pelos delatores da empreiteira.

O pedido da PF, protocolado sob sigilo, chegou ao gabinete do ministro Edson Fachin, do STF, no fim de março, de acordo com fontes do Supremo Tribunal Federal. Relator da investigação sobre os R$ 10 milhões da Odebrecht, Fachin enviou o processo para uma manifestação da procuradora-geral da República, Raquel Dodge. Os autos foram devolvidos ao gabinete de Fachin há duas semanas.

Raquel Dodge se posicionou contra a quebra do sigilo telefônico de Temer, apesar de ter concordado com as quebras dos demais personagens envolvidos. Segunda colocada na lista tríplice para comandar a PGR, Dodge foi nomeada ao cargo diretamente por Michel Temer.

É a primeira vez que uma investigação em andamento pode quebrar o sigilo telefônico do presidente da República. No outro inquérito do qual é alvo, que apura suspeitas de pagamento de propina do setor portuário, Temer teve seus sigilos bancário e fiscal quebrados por autorização do ministro do STF Luís Roberto Barroso, mas não houve pedido de quebra de sigilo telefônico. Assim como desta vez, Raquel Dodge tinha se posicionado contrária às quebras de sigilo bancário e fiscal de Temer, mas Barroso seguiu o pedido inicial feito pela Polícia Federal.

Caberá agora ao ministro Edson Fachin decidir se acolhe integralmente o pedido da PF ou se vai acompanhar a manifestação da PGR, que excluiu Temer como alvo da quebra.

A solicitação de quebra do sigilo telefônico também atinge os operadores da Odebrecht responsáveis pelas entregas de dinheiro ao PMDB. O objetivo da PF é rastrear possíveis telefonemas e contatos feitos pelos políticos e pelos operadores no período próximo às entregas de dinheiro. Os extratos telefônicos mostrarão apenas os registros das ligações feitas entre eles, sem detalhes do seu conteúdo.

A investigação apura entregas feitas no escritório do advogado José Yunes, amigo de Temer, e também pagamentos no Rio Grande do Sul, que seriam destinados a Padilha. Entregadores da Odebrecht já reconheceram o escritório de Yunes como um dos endereços onde efetuaram as entregas de dinheiro vivo.

De acordo com a delação dos executivos da Odebrecht, houve um acerto da empreiteira de repassar R$ 10 milhões para o PMDB em 2014, ano no qual Temer era candidato à vice-presidência na chapa de Dilma Rousseff. O acerto foi selado em um jantar no Jaburu. Parte desse dinheiro teria abastecido a campanha de Paulo Skaf ao governo de São Paulo, enquanto o restante teria sido captado por Eliseu Padilha. Yunes já confirmou à PF que recebeu um envelope em seu escritório a pedido de Padilha.

O Globo

Deixe seu comentário

Após redução, nova estimativa para salário mínimo em 2019 é de R$ 998

06 Jun2018

Por Jbelmont às 19h24

Comissão Mista de Orçamento do Congresso (CMO) revisou a estimativa para o salário mínimo em 2019, passando de R$ 1.002, conforme apresentou o governo em abril, para R$ 998.

(ATUALIZAÇÃO: Inicialmente, o G1 informou que a revisão foi feita pelo governo, com base em informações do Ministério do Planejamento e da Comissão de Orçamento do Congresso. Posteriormente, o governo e a CMO informaram que os técnicos da comissão é que revisaram a previsão. O texto foi corrigido às 18h10)

Atualmente, o salário mínimo, que serve de referência para cerca de 45 milhões de pessoas, está em R$ 954. Com isso, o aumento previsto para o próximo ano passou a ser de R$ 44.

Deixe seu comentário

Homicidios Pai, filhos e genro são mortos em chacina na cidade de Lagoa Nova

06 Jun2018

Por Jbelmont às 10h22

G1-RN

Crime aconteceu na madrugada desta quarta-feira (6) no município de Lagoa Nova, na região Seridó. Mulheres e bebês estavam no local.


Cinco pessoas da mesma família são mortas em chacina no interior potiguar: G1-RN (Foto: Cleto Filho)

Um pai, três filhos e um genro foram mortos em uma chacina na madrugada desta quarta-feira (6) no município de Lagoa Nova, na região Seridó potiguar. De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu no bairro Antônio Aciole, por volta de 1h. Dois homens chegaram em uma casa se identificando como policiais civis que estavam à procura de drogas e armas.

Ainda segundo a PM, na residência estavam três homens, dois adolescentes, três mulheres e duas crianças de colo. Os criminosos mandaram as mulheres saírem de perto junto com as crianças e atiraram nos homens: pai, três filhos, entre eles gêmeos, e genro. Todos os cinco morreram na hora
.

O pai foi identicado como Francisco Sales Bezerra dos Santos, de 37 anos, os filhos gêmos como Francisco Jhon Lenon Pietra dos Santos e Francisco Jhon Pietra dos Santos, 15 anos. Além do irmão dos gêmeos, Francisco Alejandro Pietra dos Santos, 19, e Daniel da Silva, 20, genro de Francisco Sales.

Uma das filhas de Francisco Sales também foi atingida pelos disparos e socorrida em estado grave ao hospital da cidade. As outras duas mulheres e os dois bebês não foram feridos.

Segundo a PM, não há informações sobre a motivação do crime. A Polícia Civil esteve no local durante a madrugada e irá investigar o caso. "Foi uma noite de terror para a família e para a sociedade", disse o Cabo Esdras de Azevedo, um dos policiais que participaram da ocorrência. Ninguém foi preso.

Deixe seu comentário

(111ª) Comerciante baleado próximo ao Vuco Vuco morre no Tarcísio Maia.

05 Jun2018

Por Jbelmont às 23h35

A ocorrência de tentativa de homicídio aconteceu por voltas das 08h da manhã de hoje, 05 de junho, quando a vítima Eduardo Jose de Souza, 36 anos de idade, chegava para trabalhar, no seu comercio de venda de roupas, próximo ao conhecido mercado do Vuco vuco em Mossoró no Rio Grande do Norte.

Segundo informações, ele conversava com um tio, próximo ao seu local de trabalho quando foi surpreendido por criminoso, que sem qualquer conversa, disparou varias vezes em sua direção.

Ferido gravemente com disparos na cabeça, Eduardo foi socorrido por uma equipe do Samu, para o Hospital Regional Tarcísio Maia, mas não resistiu.

A única informação possível da policia, é que Eduardo teve seu comercio invadido por bandidos armados mais de uma vez e segundo informações de populares, da ultima vez, os criminosos fizeram uma verdadeira limpeza, levando quase tudo da loja do mesmo.

 

DO CÂMERA

 

Deixe seu comentário

PM prende traficante foragido do Acre em Natal com mais de R$ 100 mil em espécie

05 Jun2018

Por Jbelmont às 19h57

Prisão aconteceu nesta terça-feira (5) na Zona Norte da cidade. Policiais encontraram também drogas e apreeeram carros de propriedade dele.

 

Ação que resultou na prisão de Gilson Limeira da Silva em Natal foi conduzida pelo Bope (Foto: Divulgação/PM)

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte prendeu no início da tarde desta terça-feira (5) um homem foragido da Justiça do Acre. Gilson Limeira da Silva foi detido no bairro da Redinha, Zona Norte da capital potiguar. Ele é suspeito dos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico, e também de integrar o Comando Vermelho, facção criminosa com base no Rio de Janeiro e atuação em diferentes localidades do Brasil.

Com Gilson da Silva, a PM apreendeu mais de R$ 100 mil em espécie, drogas e quatro carros. Entre os veículos, havia uma Mercedes. De acordo com o coronel Zacarias Mendonça, comandante do policiamento na Região Metropolitana de Natal, a polícia chegou até o homem através do setor de inteligência.

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) descobriu que Gilson estava escondido próximo ao Rio Doce, na Redinha, e enviou uma equipe até o local. Ao chegar lá, os policiais encontraram duas casas, uma delas que ainda está em construção, de propriedade do foragido. Em uma das residências, a PM se deparou com sete tabletes de crack, de aproximadamente um quilo cada.


Polícia apreendeu mais de R$ 100 mil com Gilson Limeira da Silva (Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi
)

Ainda segundo o coronel Mendonça, a ação continuou e o Bope chegou até um outro imóvel, este em um condomínio no bairro Ponta Negra, na Zona Sul. Nesta segunda etapa da operação foram apreendidos os automóveis (uma Mercedes, um Jeep e dois HB20) e uma pequena quantidade de droga, além de uma balança de precisão e R$ 108.537 em dinheiro. Em um porta cédulas que estava com Gilson da Silva, foram apreendidos ainda R$1.119.

 

Sete pessoas ligadas a ele foram conduzidas à delegacia para prestar esclarecimentos, contudo todas foram liberadas. Todo o material e também o preso foram entregues à Polícia Federal, que conduz as investigações.

 

Tráfico de drogas

 

De acordo com o processo disponível no site do Tribunal de Justiça do Acre, Gilson de tal e um sócio no tráfico de drogas teriam pagado R$ 2,5 mil a uma terceira pessoa para que ela transportasse quatro quilos e cem gramas de cocaína de Rio Branco (AC) até Natal.

Gilson Limeira da Silva virou réu nesse processo, junto com os comparsas, mas conseguiu fugir para a capital do Rio Grande do Norte. O mandado de prisão contra ele estava em aberto desde 2009.

 

G-1

Deixe seu comentário

Vereadora Izabel Montenegro ressalta trabalho de Edy Moura

05 Jun2018

Por Jbelmont às 13h11

Presidente da Câmara registra indicação dela ao prêmio nacional Zilda Arns

 
A presidente da Câmara, vereadora Izabel Montenegro (MDB), utilizou o grande expediente da sessão desta terça-feira (5) para fazer um reconhecimento público ao trabalho desenvolvido pela contadora Edy Lima Moura, que realiza importante serviço social, há cerca de 40 anos, no Instituto Amantino Câmara.


Izabel frisou que dona Edy, como é mais conhecida, é reconhecida como um patrimônio da cidade de Mossoró, à frente de importantes projetos sociais, e foi indicada ao Prêmio Zilda Arns pelo deputado federal Beto Rosado (PP), mas cuja premiação não ocorreu, segundo ela, por uma ação parlamentar da deputada federal Zenaide Maia (PHS), o que recebeu protesto de vereadores, na sessão.


O prêmio nacional é uma forma de reconhecimento às pessoas e instituições que contribuem ativamente na defesa dos direitos das pessoas idosas. “É uma mulher de 83 anos que se dedica com todo amor e carinho aos mais necessitados. Ela mereceu a indicação, infelizmente não recebeu o prêmio, mas merece todo o nosso reconhecimento”, declarou Izabel Montenegro.


Outros vereadores da Câmara também fizeram questão de exaltar o trabalho. “Dona Edy é uma das mulheres mais caridosas dessa cidade. Exemplo de pessoa, de honestidade. A igreja e a sociedade devem muito ao trabalho que ela realiza”, declarou Flávio Tácito (PPL). “Uma pessoa que merece todo nosso reconhecimento”, finalizou Aline Couto (PHS).

 

Câmara de Mossoró recebe 132 emendas a projeto da LDO

 

Propostas de alteração foram lidas na sessão de hoje

 

A Câmara Municipal de Mossoró deu mais um passo na apreciação do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Na sessão desta terça-feira, o Plenário fez a leitura da íntegra das 132 emendas apresentadas ao texto original, de autoria do Executivo.

 

A LDO lança bases para produção, no final do ano, da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019, que estima receita e fixa despesas para a Prefeitura (Orçamento Geral do Município). É uma das matérias legislativas mais importantes do ano.

 

As emendas são de autoria dos vereadores e foram apresentadas, com o propósito de aperfeiçoar o projeto, a fim de incorporar demandas da população em saúde, educação e outras áreas, eventualmente não previstas na versão original do texto.

 

A próxima etapa de apreciação do projeto da LDO (nº1202/2018) é o parecer da Comissão de Orçamento, Finanças e Contabilidade às emendas, cuja decisão está prevista para ser anunciada na sessão do próximo dia 19 (uma terça-feira).

 

No mesmo dia, deverá ocorrer a votação do projeto em primeiro e segundo turnos, mas só mediante interstício de duas sessões extraordinária na mesma terça-feira, o que encerraria a apreciação do projeto, conforme cronograma oficial em vigência.

Deixe seu comentário