.

RN tem 137 pacientes com Covid-19 à espera de UTI

22 Mar2021

Por Jbelmont às 16h40

Foto: Reprodução/Regula RN

O Rio Grande do Norte registra no início da tarde desta segunda-feira(22) 137 pacientes com Covid-19 à espera de um leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado. Às 13h05, o estado tinha 7 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte dos pacientes é da região metropolitana de Natal.

 
Deixe seu comentário

Boas chuvas de sexta feira até esta segunda no RN

22 Mar2021

Por Jbelmont às 16h32

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte(Emparn) registrou chuvas em 51 municípios pelo estado, entre sexta-feira(19) e o início da manhã desta segunda-feira(22). As cidades de Potalegre(93,6mm), Rodolfo Fernandes(84,2mm), Martins(62mm) e João Dias(51,8) receberam o maior volume pluviométrico no período. Confira abaixo:

Per.: das 7:00hs de 19/03/2021 as 7:00hs de 22/03/2021

No. Postos Existentes: 177 No. Postos sem Contato: 100
No. de Postos com Chuva: 51 No. de Postos sem Chuva: 26

MESORREGIAO OESTE POTIGUAR
Portalegre(Particular) 93,6
Rodolfo Fernandes(Prefeitura) 84,2
Martins(Particular) 62,0
Joao Dias(Emater) 51,8
Severiano Melo(Prefeitura) 47,0
Rafael Godeiro(Emater) 42,5
Vicosa(Prefeitura) 42,0
Pendencias(Emater) 36,7
Francisco Dantas(Emater) 36,0
Sao Francisco Do Oeste(Prefeitura) 31,6
Pau Dos Ferros(Particular) 31,0
Olho D'agua Dos Borges(Particular) 30,5
Sao Miguel(Emater) 28,0
Parana(Emater) 24,8
Lucrecia(Emater) 24,0
Riacho Da Cruz(Emater) 21,5
Serrinha Dos Pintos(Prefeitura) 21,3
Coronel Joao Pessoa(Emater) 20,3
Major Sales(Prefeitura) 19,5
Jucurutu(Emater-pedra do Navio) 18,6
Campo Grande(Particular 2) 14,5
Janduis(Emater) 14,0
Jose Da Penha(Emater) 14,0
Tenente Ananias(Emater-st Mororo) 13,3
Caraubas(Particular) 11,9
Agua Nova(Prefeitura) 11,7
Rafael Fernandes(Emater) 11,4
Umarizal(Fazenda Camponesa(partic)) 10,0
Alto Do Rodrigues(Emater) 8,0
Venha Ver(Emater) 7,0
Barauna(Emater) 4,6
Campo Grande(Particular) 2,5

MESORREGIAO CENTRAL POTIGUAR
Currais Novos(Sec Meio Amb. Ex Cersel) 6,2
Sao Joao Do Sabugi(Emater) 6,0
Macau(Defesa Civil (ex-emater)) 5,5
Timbauba Dos Batistas(Prefeitura-fz. Timbauba) 4,0
Sao Jose Do Serido(Associacao Usuarios Agua) 3,7
Guamare(Lagoa Doce) 2,0
Florania(Sitio Jucuri) 1,8

MESORREGIAO AGRESTE POTIGUAR
Lagoa De Pedras(Prefeitura) 12,7
Monte Das Gameleiras(Emater) 10,0
Serrinha(Emater) 8,4
Joao Camara(Centro Saude) 5,1
Monte Alegre(Emater) 5,0
Sao Bento Do Trairi(Prefeitura) 4,3
Sao Paulo Do Potengi(Emater) 3,8
Vera Cruz(Emater) 3,2
Tangara(Emater) 1,9

MESORREGIAO LESTE POTIGUAR
Extremoz(Emater) 11,9
Sao Goncalo Do Amarante(Base Fisica Da Emparn) 6,5
Montanhas(Prefeitu


Emparn

Deixe seu comentário

RN contabiliza 23 óbitos por covid nas últimas 24h, sendo 10 dentro do dia; novos casos são 1.301

22 Mar2021

Por Jbelmont às 13h09

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (22). Foram mais 1.301 casos confirmados, totalizando 185.208. Até domingo (21) eram 183.907 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 4.168 no total, sendo 10 mortes registradas nas últimas 24h, em Natal(05), além de Parnamirim, Extremoz, Boa Saúde, Assu e Lagoa de Velhos.

A Sesap ainda registrou outros 13 óbitos ocorridos após a confirmação de exame laboratorial (Outubro-2020 (1); Fevereiro-2021 (2) e março 2021 (34)). Até domingo (21), eram contabilizados 4.145 mortos. Óbitos em investigação são 888.

Casos suspeitos somam 63.198 e descartados 395.021. Recuperados são 138.506.

Deixe seu comentário

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid-19 de 98%; Oeste e Seridó atingem novamente 100%

22 Mar2021

Por Jbelmont às 13h06

Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 98%, registrada no fim da manhã desta segunda-feira (22). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 645.

Até o momento desta publicação são 7 leitos críticos (UTI) disponíveis e 336 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 55 disponíveis e 309 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 96,6% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 100% e a Região Seridó tem 100%.

Deixe seu comentário

Covid-19: Ao menos 43 pessoas morreram à espera de leito de UTI no RN nos últimos sete dias

22 Mar2021

Por Jbelmont às 11h59


Os dados estão no Regula RN, plataforma que monitora em tempo real as internações e a rede de assistência para Covid-19 em todo o estado.

A babá Laisla Coutinho viu o pai e o avô morrerem por complicações da Covid-19 em menos de 24 horas na UPA Cidade Satélite, na Zona Sul de Natal. O pai, o comerciante Luisvaldo Bezerra, de 49 anos, aguardou por quatro dias por um leito crítico (de UTI ou semi-intensivo) para o tratamento da doença, mas não resistiu à demora e morreu no último dia 16.

Covid-19: Mais de 500 pacientes morreram à espera de leitos de UTI no RN
Nesta segunda (22), a ocupação de leitos críticos no RN chegou a 97%. Na região Seridó a ocupação é de 100% na rede pública. A fila no estado, segundo o Regula RN, tinha 125 pacientes no aguardo para 11 leitos críticos disponíveis.

O portal Regula RN mostra ainda que dos 25 hospitais públicos que tem UTIs Covid, 22 estão com 100% de ocupação. Apenas o Hospital Maria Alice Fernandes, que é pediátrico, está com ocupação abaixo dos 90%.

Só atividades essenciais
Para conter a taxa de transmissibilidade e diminuir a pressão sobre os leitos de saúde, o governo do RN publicou um decreto que começou a valer no sábado (20) e vai até o dia 2 de abril fechando todas as atividades não essenciais no estado. O decreto é assinado também pelo prefeito de Natal, que disse que a situação 'chegou ao limite'.

g1

Deixe seu comentário

5 mil mortes por dia por covid é um cenário possível no Brasil, dizem especialistas

22 Mar2021

Por Jbelmont às 11h45

Foto: Getty Images

Depois de um forte aumento nas últimas semanas, a tendência de novos casos, internações e mortes por covid-19 deve continuar em alta no país. Dados do boletim Infogripe, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), apontam que 23 das 27 unidades da federação registram essa tendência. Diante do colapso hospitalar em todas as regiões, números ainda mais altos de óbitos, 4 ou 5 mil por dia, não podem ser descartados, segundo especialistas. Com o ritmo lento de vacinação, eles defendem medidas mais duras de distanciamento social para impedir que esse cenário se torne realidade.

“Temos um conjunto muito grande de Estados com tendência de crescimento de casos e hospitalizações. Alguns apresentam estabilidade, mas muito incipiente. É muito preocupante”, afirma Marcelo Gomes, coordenador do Infogripe.

Gomes diz que há grande chance de o país ultrapassar 3 mil óbitos nos próximos dias. Um cenário pior, com 4 ou 5 mil mortes diárias não pode ser descartado. “Nós que trabalhamos com análise epidemiológica vemos que, infelizmente, não é impossível. É uma marca muito alta, mas não dá para descartar.”

Matéria completa AQUI.

Valor

Deixe seu comentário

Maioria do STF deve votar contra ação de Bolsonaro e a favor de manter medidas restritivas de estados

22 Mar2021

Por Jbelmont às 11h40

Foto: Fabiane de Paula

O blog apurou que já há maioria entre os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) para negar ação de inconstitucionalidade apresentada pelo presidente Jair Bolsonaro para derrubar decretos dos governos do Distrito Federal, da Bahia e do Rio Grande do Sul que determinaram restrições de circulação de pessoas diante do aumento expressivo do número de mortes e da transmissão da Covid-19.

Nas palavras de um integrante da Corte, a tendência é que o STF “manterá a decisão que autoriza os governadores” a decretar essas restrições. Nesse sentido, o Supremo vai seguir a jurisprudência decidida no ano passado de autonomia de estados e municípios para o enfrentamento da pandemia.

A ação que o presidente Jair Bolsonaro moveu também defende que o Supremo reconheça que, mesmo em casos de necessidade sanitária comprovada, o fechamento de serviços não essenciais não pode ser determinado por decreto, necessitando para tanto de lei específica que passe pelas casas legislativas.

O relator da ação deve ser definido nesta segunda (22) ou na terça-feira (23). Ministros defendem que, por se tratar de uma peça movida pelo presidente da República, a discussão seja feita no plenário da Corte.

Blog do Gerson Camarotti- G1

Deixe seu comentário

Em pior momento da pandemia, registros de mortes crescem 27,68% no RN

22 Mar2021

Por Jbelmont às 08h04

Entre os dias 14 e 21 de março deste ano, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) registrou a ocorrência de 226 mortes provocadas pela covid-19 no Rio Grande do Norte. O número é 27,68% superior ao quantitativo tabulado entre os dias 15 e 22 de junho do ano passado, considerado até então o pior momento da pandemia do novo coronavírus no Estado. Neste domingo (21), o Rio Grande do Norte atingiu a marca de 4.145 mortes causadas pela covid. É como se quase 11 aviões do modelo 747-8 (o segundo maior do mundo com capacidade para transportar 386 passageiros) tivessem caído e nenhum dos ocupantes, sobrevivido.

Conforme levantamento de dados feito pela TRIBUNA DO NORTE com base nos Boletins Epidemiológicos emitidos pela Sesap/RN, no dia 15 de junho de 2020, cerca de três meses após o primeiro registro de covid-19 no Rio Grande do Norte, 553 tinham morrido pela doença. Na semana seguinte, no dia 22 de junho, o número havia saltado para 730. Menos de um ano depois, os registros voltaram a subir numa velocidade ainda maior.

No domingo passado, dia 14 de março de 2021, o total de vítimas fatais da doença estava em 3.919. Neste domingo, 21, o número pulou para 4.145. Dessas, 7 mortes ocorreram nas 24h anteriores à divulgação do Boletim, sendo 1 em Serra Negra do Norte; 1 em Mossoró; 1 em Acari; 1 em Areia Branca; 2 em Lagoa de Pedras e 1 em Umarizal. Os demais óbitos são dos seguintes meses: outubro de 2020 (1); fevereiro de 2021 (2); e março de 2021 (34). O corrente mês de março tende a ser o mais letal desde o início da pandemia no Estado, com 537 registradas do dia 1º até este domingo (21).

Somente no sábado (19), a Sesap registrou a ocorrência de 16 novas mortes em um dia, notificados nas seguintes cidades: Arez (1); Alto do Rodrigues (1); Assu (1); Guamaré (1); Jardim do Seridó (1); Mossoró (1); Natal (5); Parazinho (1); Parnamirim (1); Santa Cruz (1); Santa Maria (1) e São Paulo do Potengi (1).

TRIBUNA DO NORTE

Deixe seu comentário

Ministério da Saúde vai enviar 160 cilindros de oxigênio ao RN, diz governadora; Amazonas cede concentradores

22 Mar2021

Por Jbelmont às 07h55

Parte da carga chegará ao estado neste domingo (21) e a outra até quarta-feira (24). Unidades municipais de saúde do RN têm sofrido com risco de desabastecimento.

Por G1 RN



Cilindro de oxigênio no hospital municipal de Ceará-Mirim, que precisou transferir pacientes por risco de desabastecimento — Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), comunicou na noite deste sábado (20) que o Ministério da Saúde vai enviar 160 cilindros de oxigênio para o estado até a próxima quarta-feira (24) para auxiliar no abastecimento às unidades municipais de saúde.

Além disso, a gestora disse que o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), garantiu a disponibilização de concentradores de oxigênio para o Rio Grande do Norte e que eles serão enviados já neste domingo (21). Até a última atualização desta matéria a quantidade não havia sido informada.

"Diante de mais esse drama, que é a crise de abastecimento de oxigênio no país inteiro e que também já está afetando alguns municípios aqui do estado, nós temos buscado todos os meios para ajudar os municípios. Para dar suporte aos municípios, tenho mantido contato direto com o Ministério da Saúde", disse a governadora em uma rede social.

"Fiz contato na sexta-feira (19) com o governador do Amazonas, Wilson Lima, que foi solidário e garantiu que os concentradores de oxigênio chegam ao RN já neste domingo", reforçou. Ela disse ainda que o MS confirmou a chegada desses concentradores, "bem como de 160 cilindros que chegarão ao RN até esta quarta-feira".

A preocupação com o oxigênio acontece por conta da pressão sobre os leitos críticos de Covid-19 e o aumento nos casos da doença. Segundo o Regula RN neste domingo, mais de 95% dos leitos críticos do estado estavam ocupados. A fila tem mais de 120 pacientes no aguardo para ocupar um dos 14 leitos disponíveis. As UPAs em Natal também têm atuado com superlotação.


No sábado (21), a Procuradoria Geral do Estado do RN ingressou com uma ação para aumentar o fornecimento de oxigênio para as unidades de saúde pública do RN em 25%. O pedido já havia sido feito pela via administrativa, por meio de um aditivo do contrato, mas a fornecedora do oxigênio White Martins negou a solicitação. Com isso, a PGE-RN decidiu ingressar com o pedido judicial para o caso ser resolvido ainda no plantão judiciário deste fim de semana.

Na madrugada e manhã de sábado (20), a alta demanda de casos de Covid-19 com agravamento no hospital municipal de Ceará-Mirim fez com que sete pacientes precisassem ser transferidos para outros municípios do estado pelo risco de desabastecimento de oxigênio na unidade hospitalar.

Apesar disso, a Sesap informou que os 16 hospitais sob gerência da pasta que recebem pacientes da doença "seguem com abastecimento garantido regularmente pela empresa White Martins, seguindo o planejamento montado desde o início da pandemia em 2020 com investimento na melhoria na rede de gases".

Segundo a secretária adjunta de Saúde, Maura Sobreira, os hospitais estaduais que atendem pacientes com Covid-19 possuem tanques de gás. As principais dificuldades enfrentadas atualmente são pelas unidades municipais que usam cilindros.

Deixe seu comentário

Ministério da Saúde desloca carga emergencial de oxigênio para o RN e mais 5 estados

21 Mar2021

Por Jbelmont às 19h46

Foto: DIVULGAÇÃO/CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA AERONÁUTICA

O Ministério da Saúde divulgou há pouco a planilha de entrega emergencial de oxigênio hospitalar, com apoio do Ministério da Defesa. A ação iniciada neste sábado se estenderá até a sexta-feira, 26.

De acordo com a planilha, o Rondônia receberá 50 concentradores de oxigênio e 400 cilindros; o Rio Grande do Norte, 70 concentradores e 160 cilindros, Acre, 240 cilindros, Ceará, 100 cilindros e outros 100 serão destinados a estados da região sul. Segundo a pasta, Porto Velho, em Rondônia, terá a capacidade ampliada para 160 mil metros cúbicos por mês. Neste caso, estão previstos vôos diários em aeronaves KC-390, com capacidade de 5.400 metros cúbicos por trajeto. Paraná e Santa Catarina também receberão insumos.

O documento registra ainda o montante do produto adquirido no exterior “com apoio da iniciativa privada”. Serão 2350 concentradores de oxigênio comprados da China e outros 1756, dos Estados Unidos.

Parte dos insumos, principalmente Concentradores de oxigênio e cilindros, está sendo transportada esta tarde de Manaus, onde houve uma operação recente de abastecimento, após colapso. Outra carga sairá a partir de amanhã de São Paulo. O ministério informa também a compra de grande quantidade de concentradores da China e dos Estados Unidos, com chegada prevista para a primeira semana de abril.

O socorro ocorre após alerta dos gestores estaduais sobre o iminente colapso no abastecimento do oxigênio hospitalar para atendimento a pacientes graves de Covid-19 em hospitais das rede pública.


Deixe seu comentário

Ministério da Saúde muda orientação e libera vacinas armazenadas para uso como 1ª dose

21 Mar2021

Por Jbelmont às 18h47

Metade dos lotes estavam sendo aguardados para garantir 2ª dose. Ministério da Saúde autorizou neste sábado (20) a utilização de 5 milhões de novas doses de vacinas contra Covid-19 como 1ª dose.


Por G1 e TV Globo — Brasília

O Ministério da Saúde autorizou neste domingo (21) que todas as vacinas armazenadas pelos estados e municípios para garantir a 2ª dose sejam utilizadas imediatamente como 1ª dose. Segundo a pasta, o objetivo é ampliar o número de vacinados no Brasil.

Neste sábado (20) o Ministério da Saúde anunciou a distribuição aos estados de 5 milhões de novas doses de vacinas contra a Covid-19 e disse que todas elas deverão ser usadas como primeiras doses, ou seja, não será necessário guardar metade dos imunizantes para garantir a aplicação da segunda dose.

Em nota, a pasta informou que "a medida já vinha sendo estudada há cerca de duas semanas, e foi atendida após garantia da segurança das entregas por parte dos fornecedores". Decisão levou em consideração a previsão de entrega das vacinas produzidas pelo Instituto Butantan e pela Fiocruz.

 

CONTINUAR LENDO  AQUI

 

Deixe seu comentário

Brasil registra 1.290 óbitos nas últimas 24h; Novos casos são 47 mil e totalizando 294.042 mortes;

21 Mar2021

Por Jbelmont às 18h39

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste domingo (21):

– O país registrou 1.290 óbitos nas últimas 24h, totalizando 294.042 mortes;

– Foram 47.774 novos casos de coronavírus registrados, no total 11.998.233 pessoas já foram infectadas.

– O número total de recuperados do coronavírus é 10.449.933, com o registro de mais 30.540 pacientes curados. Outros 1.254.258 pacientes estão em acompanhamento.

Ministério da Saúde

Deixe seu comentário

Bolsonaro volta a criticar medidas restritivas impostas por governadores e diz que estão “esticando a corda”

21 Mar2021

Por Jbelmont às 18h33

Foto: reprodução

Ao lado da primeira-dama Michele, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) recebeu apoiadores neste domingo (21) diante do Palácio da Alvorada.

Ao discursar brevemente, Bolsonaro voltou a falar sobre as novas medidas de restrição impostas por governos estaduais como forma de conter a disseminação do coronavírus.

“Estão esticando a corda. Faço qualquer coisa pelo meu povo e esse qualquer coisa é o que esta na nossa Constituição Federal. Podem confiar na gente, vocês me deram esse voto de confiança. Enquanto eu for presidente só Deus me tira daqui, eu estarei com vocês”, disse.

Durante o discurso, o presidente invocou as Forças Armadas “pela democracia e pela liberdade” ao abordar as medidas restritivas.

“Alguns tiranetes ou tiranos tolhe a liberdade de muitos de vocês, o nosso exército é o verde oliva, mas também são vocês. Contem com as Forças Armadas pela democracia e pela liberdade”, disse.

Foto: reprodução

Bolsonaro recebeu um bolo dos apoiadores. Neste domingo, ele completa 66 anos de idade. O presidente ainda afirmou que tem recebido pedidos da população para o retorno ao trabalho.

“O que o povo mais me pede é: eu quero trabalhar. O trabalho dignifica o homem e a mulher, ninguém quer viver de favor do Estado. Vamos vencer a batalha. Estamos do lado certo e do lado do bem, não queremos mergulhar no socialismo, onde povo vai à miséria ao tudo o nada”.

Política

Deixe seu comentário

Governo do Estado anuncia medidas de socorro para Bares e Restaurantes e famílias de baixa renda

21 Mar2021

Por Jbelmont às 18h31

A governadora Fátima Bezerra destacou nas suas redes sociais neste domingo (21) medidas que o Governo do Estado já tomou para auxiliar o segmento de bares e restaurantes e as famílias de baixa renda.

Para bares e restaurantes:

– 10 milhões em linha de crédito específica ao setor;

– Isenção da tarifa de água (90 dias), atendendo 4.200 estabelecimentos;

– Crédito de até R$ 50 mil, via AGN, para capital de giro;

– Prorrogação de ICMS do Simples Nacional por 90 dias;

– Prorrogação de ICMS de Março para Maio.

Para as famílias de baixa renda:

– Distribuição de 30 mil cestas básicas à famílias de baixa renda;

– Isenção da tarifa social da CAERN para consumidores de baixa renda (20 mil famílias);

– Suspensão de 90 dias do corte de água por inadimplênciados consumidores das taridas social e popular da CAERN;

– Crédito de até R$ 12 mil para microempreendedor em geral e setor informal, sem juros.

Deixe seu comentário

RN contabiliza 44 óbitos por covid nas últimas 24h, sendo 07 dentro do dia; novos casos são 617

21 Mar2021

Por Jbelmont às 15h14

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste domingo (21). Foram mais 617 casos confirmados, totalizando 183.907. Até sábado (20) eram 183.290 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 4.145 no total, sendo 07 mortes registradas nas últimas 24h, Serra Negra do Norte (01), Mossoró (01), Acari (01), Areia Branca (01), Lagoa de Pedras (02) e Umarizal (01).

A Sesap ainda registrou outros 37 óbitos ocorridos após a confirmação de exame laboratorial (Outubro-2020 (1); Fevereiro-2021 (2) e março 2021 (34)). Até sábado (20), eram contabilizados 4.101 mortos. Óbitos em investigação são 861.

Casos suspeitos somam 64.625 e descartados 393.067. Recuperados são 138.506.

Deixe seu comentário

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 95,9%

21 Mar2021

Por Jbelmont às 15h11

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 95,9%, registrada por volta das 13h40 deste domingo (21). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 634.

Até o momento desta publicação são 14 leitos críticos (UTI) disponíveis e 326 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 59 disponíveis e 308 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 96,1% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 100% e a Região Seridó tem 85%.

Deixe seu comentário

RN tem 122 pacientes com Covid-19 à espera de UTI

21 Mar2021

Por Jbelmont às 15h09

O Rio Grande do Norte registrou na tarde deste domingo (21) 122 pacientes com Covid-19 à espera de um leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado.

Às 13h50, o estado tinha 14 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte dos pacientes é da região metropolitana de Natal.

Deixe seu comentário

Ministério da Saúde libera aplicação imediata de vacinas armazenadas para 2ª dose

21 Mar2021

Por Jbelmont às 15h01

Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

O Ministério da Saúde autorizou neste domingo (21) que todas as vacinas armazenadas pelos estados e municípios para garantir a 2ª dose sejam utilizadas imediatamente como 1º dose. Segundo a pasta, o objetivo é ampliar o número de vacinados no Brasil.

Neste sábado (20) o Ministério da Saúde anunciou a distribuição aos estados de 5 milhões de novas doses de vacinas contra a Covid-19 e disse que todas elas deverão ser usadas como primeiras doses, ou seja, não será necessário guardar metade dos imunizantes para garantir a aplicação da segunda dose.

Em nota, a pasta informou que “a medida já vinha sendo estudada há cerca de duas semanas, e foi atendida após garantia da segurança das entregas por parte dos fornecedores”. Decisão levou em consideração a previsão de entrega das vacinas produzidas pelo Instituto Butantan e pela Fiocruz.

Trata-se de uma nova mudança na orientação do Ministério da Saúde para as vacinas contra a Covid-19.

No início da campanha, com base em diretrizes do Programa Nacional de Imunizações (PNI), 50% das vacinas destinadas pelo governo federal aos estados e municípios foram reservadas como 2ª dose.

Em 19 de fevereiro, o Ministério da Saúde divulgou que faria uma mudança na estratégia da vacinação contra a Covid-19, sem guardar metade do imunizante para a 2ª dose. À época, o governo argumentou que o ritmo de chegada das novas doses seria acelerado e, com isso, não seria preciso reserva.

Entretanto, em 24 de fevereiro, a pasta recuou e informou que os estados e municípios deveriam reservar a 2ª dose da CoronaVac para garantir que ela seja aplicada de duas a quatro semanas após a 1ª.

Produção nacional

Na segunda (15) a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) anunciou que entregaria as primeiras doses da vacina contra Covid-19 produzidas pela instituição ainda nesta semana. De acordo com a instituição, seriam 1 milhão e 80 mil doses até sexta-feira (19).

As primeiras 500 mil seriam enviadas ao Ministério da Saúde até quarta (17). As outras 580 mil, até o dia 19.

Ainda de acordo com a Fiocruz, 3,8 milhões de vacinas serão entregues até março. A expectativa é que, no final do mês, a produção diária chegue a um milhão.

As vacinas são envasadas com o Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) importado da China.

Depois de vários atrasos na chegada do IFA, o ingrediente principal da vacina, no dia 12 de março a Fiocruz recebeu notícia de que a China havia liberado o dobro da quantidade prevista – ainda sem data para chegar.

A estimativa é que produção saia de menos de 4 milhões de doses em março para 30 milhões de doses em abril, mantendo o patamar elevado no mês seguinte.

G1

Deixe seu comentário

Governo federal vai custear mais de 2,7 mil novos leitos de UTI para RN e mais 21 estados

21 Mar2021

Por Jbelmont às 09h53

O Ministério da Saúde autorizou mais 2,7 mil leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto em 22 estados para atendimento exclusivo aos pacientes graves com covid-19, em caráter excepcional e temporário. Para isso, duas portarias foram publicadas, ontem (19), em edição extra do Diário Oficial da União.

A Portaria nº 499/21 autoriza 1.280 leitos de UTI adulto para o reforço da estrutura hospitalar em mais de 50 municípios nos estados da Bahia, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Sul e São Paulo. O valor do repasse mensal será de mais de R$ 61,4 milhões.

Já a Portaria nº 501/21 autoriza a instalação de 1.499 leitos de UTI adulto em mais de 70 municípios nos estados do Acre, Alagoas, Amapá, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe, Tocantins e o Distrito Federal. Os recursos de custeio para essas unidades será de R$ 71,9 milhões mensais.

A autorização é a nova modalidade de apoio financeiro dada pelo Ministério da Saúde, que substituiu a habilitação de leitos. O governo federal arca com parte das despesas, mas agora o pagamento não é mais antecipado e sim mensal. “A medida fortalece o Sistema Único de Saúde (SUS) e leva atendimento para a população em todo o país. Apesar de estados e municípios terem autonomia para criar e habilitar os leitos necessários, o Ministério da Saúde, em decorrência do atual cenário de emergência, disponibiliza recursos financeiros e auxílio técnico para o enfrentamento da doença. O objetivo é cuidar da saúde de todos e salvar vidas”, informou o ministério, em comunicado.

O pedido de autorização para o custeio dos leitos covid-19 é feito pelas secretarias estaduais e municipais de saúde, que garantem a estrutura necessária para o funcionamento dessas unidades. De acordo com o Ministério da Saúde, entre os aspectos observados nas solicitações de autorização estão a curva epidemiológica do coronavírus na região, a estrutura para manutenção e funcionamento da unidade intensiva e corpo clínico para atuação em UTI.

Nessa semana, o governo já havia autorizado 1.639 leitos de UTI adulto e oito leitos de UTI pediátrica para tratamento de pacientes com covid-19. Serão atendidas 64 cidades dos estados de Goiás e São Paulo.

DIÁRIO DO PODER

Deixe seu comentário

Em janeiro, Governo do RN dizia ter “situação tranquila em relação a oxigênio”

21 Mar2021

Por Jbelmont às 09h50

Foto: Ministério da Saúde

A Secretaria Estadual de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap) divulgou em janeiro que o estado tinha uma situação ‘tranquila’ em relação a oxigênio para pacientes internados e que não havia risco de faltar. A informação foi divulgada pelo portal G1RN, na época.

“Nós temos hoje uma segurança de abastecimento de oxigênio nas nossas unidades. Nós temos leitos clínicos e críticos disponíveis, e oxigênio disponível, não só para paciente Covid, mas de todas as demandas que requerem o uso de oxigênio para tratamento”, disse a secretária adjunta de Saúde do estado, Maura Sobreira, em entrevista ao veículo publicada no dia 15 de janeiro.

Pouco mais de dois meses depois o RN vive um clima de tensão em meio ao risco da falta de oxigênio em alguns municípios. Nas redes sociais, a governadora Fátima Bezerra (PT) informou que na rede estadual o abastecimento de oxigênio continua garantido, e que o problema se restringe apenas aos municípios. Neste sábado (20) a gestora se reuniu com prefeitos e conseguiu a promessa do Ministério da Saúde de que cilindros de oxigênio serão enviados ao RN esta semana.

Portal Grande Ponto

Deixe seu comentário

Governo do RN recebe apoio do AM e do Ministério da Saúde para reabastecimento de oxigênio medicinal

20 Mar2021

Por Jbelmont às 23h09

A demanda por oxigênio medicinal em todo o país tem sido tão alta que os fornecedores não estão conseguindo cumprir contratos. Para buscar alternativas, o Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), dialogou com a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn), Ministério Públicos (MPRN e MPT/RN), Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Estado do Rio Grande do Norte (Cosems-RN) e Conselho Estadual de Saúde (CES) em reunião neste sábado (20).

Algumas medidas foram adotadas para solucionar o abastecimento: a Procuradoria Geral do Estado (PGE) ajuizou ação para que a White Martins, fornecedora contratada pelo estado, possa fornecer oxigênio também aos municípios; além disso, em reunião com Ministério da Saúde e o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), ficou encaminhado que o RN receberá 160 cilindros nos próximos dias, buscando ampliar esse número em seguida, além do envio de concentradores de oxigênio e a requisição de usinas.

Em contato com o Ministério da Saúde, na tarde deste sábado, a governadora Fátima Bezerra obteve a garantia do general Ubaldo que serão encaminhados 160 cilindros ao RN até a próxima quarta-feira (24).

A chefe do Executivo Estadual anunciou, ainda durante a reunião, a previsão da chegada de 85 concentradores de oxigênio neste domingo (21) para auxiliar o atendimento de pacientes com Covid-19. Esses equipamentos serão doados pelo Governo do Amazonas, em iniciativa denominada Operação Gratidão, que faz referência ao apoio recebido de outros estados durante o colapso do sistema de saúde.

“Importante ter essa pactuação junto com o Cosems para que os concentradores sejam enviados para aqueles municípios que mais precisam e a gente não perca os critérios. Quando conversei com o governador Wilson, o exemplo que citei logo foi Ceará-Mirim, como o que estava na situação mais crítica”, alertou a governadora, professora Fátima Bezerra, comunicando que a Anvisa está acompanhando as fabricantes e distribuidoras de oxigênio, que também se comprometeram em reduzir a produção do gás destinado à indústria para aumentar o produto medicinal.

URGÊNCIA

Levantamento do Cosems-RN, demandado pela Sesap, constatou que 46 municípios necessitam hoje de cilindros adicionais para sustentar a demanda com o aumento das internações. As Prefeituras são responsáveis pelo abastecimento de suas unidades, mas a governadora lembrou que apesar disso, o SUS é tripartite e que “se faz necessário o trabalho integrado.”

A Sesap informou no encontro que os 16 hospitais, sob gerência do Estado que recebem pacientes Covid, seguem com abastecimento regular garantido pela empresa White Martins, conforme planejamento montado, com investimento na melhoria na rede de gases, desde o início da pandemia em 2020.

“Nós vivemos um momento dramático da pandemia, no qual além dos serviços hospitalares que a gente consegue acompanhar pela transparência, temos sobrecargas nas portas, nas unidades de pronto-atendimento, porque os pacientes geralmente ficam lá à espera de leitos”, contextualizou a secretária adjunta Maura Sobreira, ao ressaltar que o problema é nacional devido à alta demanda.

“Em nosso estado, as unidades estaduais seguem abastecidas, mas precisamos de unidade para preservar as vidas das pessoas em toda a rede. Esse é o nosso maior incentivador, salvar vidas sem medir esforços”, finalizou Maura Sobreira.

”O Governo está fazendo sua parte, buscando o diálogo para encontrar a solução e não deixar os municípios sozinhos nessa luta”, afirmou o secretário de Gestão de Projetos e Metas do Governo e coordenador do Pacto pela Vida, Fernando Mineiro.

Representantes do Ministério Público parabenizaram a ação da Sesap e do Governo e registraram a importância do diálogo e de todo o esforço das equipes da saúde para conseguir atravessar esse momento crítico.

BG

Deixe seu comentário

Mossoró (RN) na contramão

20 Mar2021

Por Jbelmont às 22h14

Do Deputado Federal Beto Rosado no Twitter:

Mossoró (RN) recebeu nessa semana mais 4.210 doses de vacina, mas continuamos sem ter a vacinação nos finais de semana. Mossoró (RN) está na contramão de milhares de cidades pelo Brasil. A vacinação é urgente e a população não pode esperar!

Deixe seu comentário

ACADEMIAS CONTINUARÃO COM ATIVIDADES SUSPENSAS

20 Mar2021

Por Jbelmont às 22h11

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Ministro Luiz Fux, mantém a suspensão das atividades de academias e congêneres, até dia 2 de abril, seguindo o decreto assinando conjuntamente pelo Governo do Estado e Prefeitura de Natal (RN).

 

Deixe seu comentário

Mega-Sena, concurso 2.354: duas apostas dividem prêmio de R$ 45 milhões

20 Mar2021

Por Jbelmont às 21h56

Veja as dezenas sorteadas: 06 - 18 - 25 - 30 - 42 - 54. Quina teve 169 acertadores, cada um leva R$ 21.989,10.


Duas apostas irão dividir os mais de R$ 45 milhões do concurso 2.354 da Mega-Sena, cujos números foram sorteados na noite deste sábado (20) em São Paulo.

As duas apostas vencedoras foram feitas pela internet e cada uma irá levar R$ 22.779.788,25.

Veja as dezenas sorteadas: 06 - 18 - 25 - 30 - 42 - 54.

A quina teve 169 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 21.989,10.
A quadra teve 6.593 apostas vencedoras; cada uma levará R$ 805,21.
O próximo concurso (2.355) será na quarta-feira (24). O prêmio estimado é de R$ 22 milhões.

Deixe seu comentário

Rosalba Ciarlini

20 Mar2021

Por Jbelmont às 21h05

Boa tarde! Como cidadã, tem uma coisa que não posso deixar de apontar: é inacreditável e revoltante que não haja vacinação nos fins de semana em Mossoró, poderia ser até no formato drive-thru como fazíamos com os testes sem nenhuma dificuldade. Já havia se tornado habitual. Fizemos vacinação nesse estilo para o H1N1 ano passado, sem nenhum problema, por que negam a gente agora a vacinação com maior comodidade ? Vacinamos contra o h1N1 nesse formato, independente do dia no ano passado, assim como fazíamos os testes nos fins de semana. Então por que não ajudar a população nesse momento com maior celeridade e cuidado.
Deixe seu comentário

Perfil do Blogueiro

JBelmont
José J Belmont Natural de São José de Campestre RN Radialista, ex vereador de Mossoró e ex deputado estad…
Leia +