.

Para defesa de Moro, troca no comando da PF do Rio reforça declarações sobre intervenção de Bolsonaro

05 Maio2020

Por Jbelmont às 08h36

A defesa de Sergio Moro afirma que a mudança na Polícia Federal envolvendo a chefia do órgão no Rio de Janeiro reforça a acusação de interferência por parte de Jair Bolsonaro feita pelo ex-ministro.

– As mudanças no seio da superintendência do Rio de Janeiro reforçam a veracidade das declarações de Sergio Moro, em especial, que o desejo de troca por parte do presidente não era exclusivamente direcionado à mudança de troca do diretor-geral. – respondeu o advogado Rodrigo Rios ao ser questionado pela coluna sobre o fato.

Logo após tomar posse como novo diretor-geral da PF nesta segunda (4), o delegado Rolando Alexandre de Souza tratou de convidar o superintendente do Rio, Carlos Henrique Oliveira, para ser o seu número 2 no comando do órgão. Com isso, ele mudaria para Brasília e vagaria o posto na capital fluminense. Desde agosto passado, Jair Bolsonaro fala publicamente que quer trocar o comando da PF no Rio. Tudo indica que finalmente conseguiu.

BELLA MEGALE – O GLOBO

Deixe seu comentário

Governo do RN publica novo decreto ampliando isolamento social por mais 15 dias

05 Maio2020

Por Jbelmont às 08h23

O Governo do Rio Grande do Norte renovou nesta terça-feira, 5, via decreto, as medidas de isolamento social por mais duas semanas devido à pandemia de coronavírus. O novo texto traz a obrigatoriedade, em todo o Estado, do uso de máscaras no espaço público que estavam apenas recomendadas até então. As restrições de atividades e serviços permitidos permanecem os mesmos. A decisão foi tomada após consulta ao comitê técnico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN), formada por pesquisadores e técnicos da secretaria e Universidade Fedrral do Rio Grande do Norte (UFRN).

A punição para o descumprimento do uso de máscaras, assim como dos outros artigos do decreto, é de multa que pode chegar a R$ 50 mil. O infrator também pode responder pelo crime contra a saúde pública. Estabelecimentos e empresas considerados essenciais e que permanecem abertos precisam se adaptar para prevenir o coronavírus. (Veja no fim da reportagem os serviços que podem funcionar.)

O principal argumento do governo para a continuidade das medidas é a efetividade que os últimos dois decretos tiveram. Nesta segunda-feira, a governadora Fátima Bezerra afirmou que as medidas de distanciamento social foram essenciais. “As medidas de distanciamento social adotadas foram decisivas para que não tivéssemos um sistema de saúde colapsado, como é infelizmente o caso de Pernambuco e Ceará, Estados vizinhos. O alerta é para não baixar a guarda e focar no crescimento da taxa de isolamento social no RN, que está longe do ideal”, afirmou.

Segundo o secretário-adjunto estadual de Saúde, Petrônio Spinelli, as medidas de isolamento do decreto garantem um distanciamento social que afeta 60% da população. Entretanto, os dados mais recentes do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), utilizado pelo Estado para medir a adesão ao distanciamento, mostram um índice de 51,65% no último domingo, 3. O BID considera a intensidade de tráfego urbano compilados pelo aplicativo Waze para realizar a medição.


Para Spinelli, o índice abaixo dos 60% não é resultado dos decretos realizados até então, mas da falta de adesão por parte dos cidadãos. Entre os serviços permitidos estão, dentre outros, a indústria, construção civil e os serviços de manicure, cabeleireiros e barbearias – esses três últimos sem a recomendação de integrantes do comitê técnico formado por representantes da própria Sesap/RN. “O decreto é feito visando esse índice de 60%, que seria possível se as pessoas cumprissem ele integralmente. O problema é que cada vez mais as pessoas estão voltando às ruas”, declarou Spinelli nesta segunda-feira, 4.


TRIBUNA DO NORTE

Deixe seu comentário

MBL vai à Justiça para anular nomeação de Rolando de Souza, novo diretor da PF

05 Maio2020

Por Jbelmont às 08h21

MBL vai à Justiça para anular nomeação de Rolando de Souza, novo diretor da PF
O Movimento Brasil Livre protocolou na Justiça Federal de Brasília ação popular para anular a nomeação do delegado Rolando Alexandre de Souza como novo diretor-geral da Polícia Federal.

No pedido, o advogado Rubens Nunes diz que ele também está alinhado a “interesses escusos” de Jair Bolsonaro, pela proximidade com Alexandre Ramagem e por já ter substituído o superintendente da PF no Rio de Janeiro.

“A medida em comento apunhala não apenas os princípios da moralidade e legalidade, mas a moral de todo brasileiro o qual deposita a confiança e fé nas instituições públicas e as vê sendo vilipendiadas por interesses familiares em favor do ‘Rei’, que se porta acima de tudo, acima do bem e do mal e imune às normas legais vigentes no país”, diz a ação.

O MBL também argumenta que a escolha coloca em risco a lisura e imparcialidade da PF, pela possibilidade de atrapalhar a investigação no Supremo sobre a suposta ingerência política de Bolsonaro na corporação.

A decisão caberá à 8ª Vara Federal Cível do Distrito Federal.

O ANTAGONISTA

Deixe seu comentário

Governo Federal vai socorrer estado e municípios do RN com R$ 946 milhões. 597 milhões para o estado e 349 milhões para os municípios

05 Maio2020

Por Jbelmont às 08h15

Com a votação, no Congresso Nacional, da ajuda financeira emergencial a estados e municípios, o governo do Estado deve receber, nos próximos quatros meses, R$ 442 milhões para livre aplicação, mais R$ 155 milhões com destinação obrigatória à saúde pública. Enquanto isso, as 167 prefeituras potiguares deverão ficar com R$ 299 milhões, distribuídos conforme a população de cada município, com aplicação livre, mais R$ 50 milhões vinculados a gastos com saúde. Com isso, os governos estadual e os municipais do Rio Grande do Norte receberão uma ajuda emergencial da União, para compensar frustrações de receitas em decorrência da crise provocada pela pandemia do coronavírus ou combate à covid-19, R$ 946 milhões, dos quais R$ 741 milhões poderão ser utilizados livremente pela governadora Fátima Bezerra e prefeitos.

Os valores foram definidos nos projeto de lei votado no Senado e em primeiro turno na Cãmara dos Deputados na noite de ontem.

COM INFORMAÇÕES DA TRIBUNA DO NORTE

Deixe seu comentário

No Brasil, maioria dos infectados têm de 20 a 39 anos, diz estudo

05 Maio2020

Por Jbelmont às 08h01

Análises do portal Covid-19 Brasil levaram em conta dados oficiais do Ministério da Saúde, do Portal da Transparência do Registro Civil

O Brasil rejuvenesceu a Covid-19. E o município do Rio de Janeiro, onde 43% das internações são de pessoas entre 30 e 49 anos, é o retrato da face jovem do novo coronavírus no país, destaca a pneumologista Margareth Dalcolmo, da Fiocruz.

Ela foi a primeira a advertir, com veemência, ainda em março, que o país “rejuvenesceria” a doença, como resultado da combinação da pirâmide etária brasileira com o baixo grau de distanciamento social.

Não estamos falando de casos leves ou assintomáticos. Nos referimos a pessoas que adoeceram com gravidade e engrossaram a triste estatística de casos confirmados. E casos confirmados em nosso país, sem testes e com altíssima subnotificação, são os mortos e os internados em hospitais com um quadro grave da Covid-19 —salienta Dalcolmo, que integra o comitê científico que assessora o governo do estado do Rio de Janeiro no combate ao novo coronavírus.

 

CONTINUAR LENDO CLIQUE AQUI

Deixe seu comentário

Brasil chega a 7.367 mortes e 108.620 casos

04 Maio2020

Por Jbelmont às 23h24

As secretarias estaduais de Saúde confirmam no país 108.620 casos do novo coronavírus (Sars-CoV-2), com 7.367 mortes. Cidades com maior mortalidade e incidência de casos se concentram no Norte e Nordeste.

Veja os dados sobre o coronavírus no Brasil nesta segunda-feira (4), segundo levantamento exclusivo do G1 junto às secretarias estaduais de saúde. Foram registradas 7.367 provocadas pela Covid-19 e 108.620 casos confirmados da doença em todo o país.

 

VER MAIS AQUI

Deixe seu comentário

Defesa diz ao STF que abre mão do sigilo do depoimento de Moro à PF

04 Maio2020

Por Jbelmont às 23h14

 

Em documento enviado ao ministro Celso de Mello, relator do caso no Supremo, advogados do ex-ministro dizem querer evitar 'interpretações dissociadas de todo o contexto das declarações'.

Advogados do ex-ministro da Justiça Sergio Moro afirmaram ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta segunda-feira (4) que abrem mão do sigilo do depoimento prestado por Moro à Polícia Federal no último sábado (2) a fim de evitar interpretações fora de contexto.

O depoimento foi colhido no inquérito que apura suposta interferência política do presidente Jair Bolsonaro na autonomia da PF, baseado em declarações públicas de Moro.

Em documento enviado ao Supremo, a defesa do ex-ministro diz que "não se opõe à publicidade dos atos praticados nestes autos", em referência ao depoimento e a futuras medidas.

Segundo os advogados, a intenção é evitar a divulgação de "trechos isolados" com "interpretações dissociadas de todo o contexto das declarações".

A equipe que defende Moro no caso diz ainda considerar que todos os "fatos relevantes" do inquérito são de interesse público.

 

CONTINUAR LENDO CLIQUE AQUI

Deixe seu comentário

Coronavírus: três novos óbitos confirmados em Natal, totalizando 65 em todo o RN

04 Maio2020

Por Jbelmont às 22h41

Imagem: reprodução

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal, SMS-NATAL, informa que no dia 28/04, terça, veio a óbito a décima quarta vítima diagnosticada com a Covid-19, na capital potiguar. Porém o resultado do exame foi confirmado nesta segunda-feira (04).

O paciente, do sexo masculino , 59 anos, com histórico de comorbidades, diabetes e hipertensão buscou o serviço público de saúde em 24/04, sendo transferido para outra unidade com UTI , evoluindo para óbito no dia 28/04.

Outros dois pacientes vieram a óbito nesta segunda (04).

A paciente, do sexo feminino, 79 anos, com histórico de comorbidades, doença cardíaca crônica buscou o serviço público em 28/04, sendo transferida para outra unidade com UTI , evoluindo para óbito.

E um paciente, do sexo masculino, 59 anos, com histórico de comorbidades, diabetes, hipertensão e dislipidemia, buscou o serviço público em 21/04, sendo transferido para outra unidade com UTI , evoluindo para óbito.

Com isto, Natal soma 16 óbitos em decorrência da COVID-19.

Deixe seu comentário

Baixo isolamento aumenta casos de covid-19 e Governo decide prorrogar medidas

04 Maio2020

Por Jbelmont às 18h31

O Governo do RN vai prorrogar as medidas restritivas com a edição de um novo decreto para o enfrentamento à covid-19 adiando os prazos por mais 15 dias. O secretário estadual de Tributação e integrante do Comitê Estadual de Combate ao Coronavírus, Carlos Eduardo Xavier, confirmou para amanhã a publicação do decreto que manterá as atuais restrições ao funcionamento do comércio, suspensão das aulas e a recomendação de manter pelo menos 60% da população em isolamento.

"Hoje o isolamento fica entre 45 e 50%, mas a recomendação feita por cientistas e especialistas na área de saúde é de pelo menos 60% para conter o contágio e evitar o colapso no serviço público de saúde", afirmou Carlos Eduardo.

Deixe seu comentário

Barragem Armando Ribeiro Gonçalves acumula mais de 55% da sua capacidade

04 Maio2020

Por Jbelmont às 17h35

A barragem Armando Ribeiro Gonçalves acumula 1.328.111.310 m³


Segundo o Relatório do Volume dos Principais Reservatórios Estaduais, atualizado nesta segunda-feira (04), a barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório estadual, com capacidade para 2,37 bilhões de metros cúbicos, acumula 1.328.111.310 m³, o que percentualmente representa 55,97% do seu volume total. Em termos comparativos, no início de maio do ano passado o manancial estava com 802.568.000 m³, que correspondiam a 33,44% da sua capacidade.

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio do Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), monitora os 47 reservatórios, com capacidade superior a 5 milhões de metros cúbicos, responsáveis pelo abastecimento das cidades potiguares.

As reservas hídricas superficiais totais do Estado atualmente somam 2.190.427.645 m³, percentualmente, 50,05% da capacidade total do RN, que é de 4.376.444.842 m³. No dia 4 de maio de 2019, o volume de água acumulado nos reservatórios monitorados pelo Igarn era de 1.437.009.034 m³, correspondentes a 32,83%da capacidade de reservação dos principais mananciais potiguares.

O Açude Santana, também conhecido como Gangorra, localizado em Rafael Fernandes, foi o 11º dos 47 mananciais monitorados pelo Igarn, a sangrar nessa quadra chuvosa do interior do RN. Com capacidade para 7 milhões de metros cúbicos, reservatório começou a verter suas águas na manhã da última sexta-feira, 1º de maio.

Outras barragens que continuam com 100% da capacidade total são: Passagem, localizado em Rodolfo Fernandes; Riacho da Cruz II, localizado em Riacho da Cruz; Apanha Peixe, em Caraúbas; Santo Antônio de Caraúbas, também em Caraúbas; Morcego, em Campo Grande; Encanto, localizado em Encanto; Pataxó, em Ipanguaçu; Dourado, em Currais Novos; Beldroega, em Paraú e Medubim, em Assu.

O açude Rodeador, localizado em Umarizal, recebeu bom aporte hídrico e já acumula 17.165.220 m³, correspondentes a 80,2% da sua capacidade total que é de 21.403.850 m³. Já o reservatório de Marcelino Vieira está acumulando 8.194.575 m³, percentualmente 73,17% do seu volume máximo que é de 11.200.125 m³.

Segundo maior reservatório do RN, Santa Cruz do Apodi, com capacidade para 599.712.000 m³, está represando 217.172.550 m³, correspondentes a 36,21% do seu volume máximo. No mesmo período do ano passado a barragem estava com 152.384.761 m³, percentualmente, 25,41% da sua capacidade máxima.

Já Umari, localizada em Upanema, com capacidade para 292.813.650 m³ continua recebendo bom aporte hídrico e já acumula 239.416.742 m³, correspondentes a 81,76% do seu volume total. No início de maio de 2019, a barragem represava 123.380.502 m³, percentualmente, 42,14% da sua capacidade.

A barragem Pau dos Ferros, com capacidade para 54.846.000 m³, acumula atualmente 18.306.344 m³, percentualmente, 33,38% do seu volume máximo. No mesmo período do ano passado o reservatório estava com 904.724 m³, correspondentes a 1,65% da sua capacidade.

O reservatório Marechal Dutra, também conhecido como Gargalheiras, localizado em Acari, acumula atualmente 13.580.746 m³, correspondentes a 30,57% da sua capacidade total que é de 44.421.480 m³. No início de maio de 2019, o manancial estava com 260.521 m³, percentualmente 0,59% do seu volume máximo.

Dos 47 reservatórios monitorados pelo Igarn, apenas 2 estão com níveis inferiores a 10% da sua capacidade, sendo, portanto, considerados em nível de alerta. São eles: Passagem das Traíras, que está em reforma e não pode acumular grande volume hídrico, com 1,69% do seu volume máximo e Esguicho, em Ouro Branco, com 1,86% da sua capacidade. Percentualmente o número representa 4,25% dos reservatórios monitorados.

Já os mananciais completamente secos também são 2, Inharé, localizado em Santa Cruz e Trairi, localizado em Tangará. Em termos percentuais o número representa 4,25% dos reservatórios monitorados.

Situação das lagoas

A Lagoa de Extremoz, responsável pelo abastecimento de parte da zona norte da capital está atualmente com 100% da sua capacidade que é de 11.019.525 m³.

A Lagoa do Bonfim, localizada em Nísia Floresta, está com 42.589.301 m³, correspondentes a 50,54% da sua capacidade total de acumulação que é de 84.268.200 m³.

A Lagoa do Boqueirão, localizada em Touros, também está com o seu volume máximo que é de 11.074.800 m³.

DeFato

Deixe seu comentário

“Ninguém irá descumprir a Constituição. Agora, cada Poder tem seus limites e responsabilidades”, diz Mourão Foto:

04 Maio2020

Por Jbelmont às 13h55

Foto: Marco Favero / Agencia RBS

À Crusoé, Hamilton Mourão disse nesta segunda-feira que nem o governo de Jair Bolsonaro nem as Forças Armadas vão descumprir a Constituição.

O vice-presidente fez a ressalva, no entanto, de que cada Poder deve ter consciência de seus “limites e responsabilidades”.

“Ninguém irá descumprir a Constituição. Agora, cada Poder tem seus limites e responsabilidades.”

Com Crusoé e O Antagonista

Deixe seu comentário

Bolsonaro nomeia delegado Rolando de Souza para comando da PF; posse ocorre 1 hora depois em cerimônia fechada

04 Maio2020

Por Jbelmont às 12h50

Nomeação ocorre após ministro do STF barrar a indicação de Alexandre Ramagem, amigo dos filhos de Bolsonaro, para a chefia da PF. Rolando era subordinado de Ramagem na Abin.

Governo nomeia delegado Rolando Alexandre de Souza como diretor-geral da PF

O presidente Jair Bolsonaro nomeou nesta segunda-feira (4) o delegado Rolando Alexandre de Souza como novo diretor-geral da Polícia Federal. A nomeação foi publicada em edição extra do "Diário Oficial da União".

Cerca de uma hora depois de a nomeação de Rolando ser publicada no "Diário Oficial", a Secretaria de Comunicação da Presidência informou que Bolsonaro já havia assinado o termo de posse do novo diretor-geral da PF, o que ocorreu no gabinete do presidente, no terceiro andar do Planalto, sem cobertura da imprensa.

A oficialização do nome de Rolando de Souza ocorre cinco dias depois de o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspender a decisão de Bolsonaro de nomear para o comando da PF o diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), o também delegado Alexandre Ramagem.

Rolando Alexandre de Souza é delegado da Polícia Federal e desde setembro de 2019 ocupava o cargo de secretário de Planejamento e Gestão da Abin, aonde chegou por indicação de Alexandre Ramagem.

CONTINUAR LENDO AQUI

Deixe seu comentário

Seu Chalita de “Entre Tapas & Beijos”, Flávio Migliaccio morre aos 85 anos no Rio

04 Maio2020

Por Jbelmont às 12h38

Foto: Divulgação

O ator paulista Flávio Migliaccio foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (4) em seu sítio na Serra do Sambê, município de Rio Bonito (RJ). Aos 85 anos, o ator global teve sua carreira marcada por sua atuação nas novelas Rainha da Sucata, Perigosas Peruas, A Próxima Vítima, Vila Madalena, Senhora do Destino e Passione, além da série Entre Tapas & Beijos.

A morte do ator foi registrada pela Polícia Militar do estado, após o caseiro do sítio ter feito uma chamada para a polícia informando ter encontrado Migliaccio morto nesta manhã. A causa da morte não foi divulgada.

E MAIS:

Morre de coronavírus Aldir Blanc, um dos maiores compositores do país, autor de “O Bêbado e a Equilibrista”

Faleceu de covid-19 na madrugada deste segunda-feira (4) o compositor e escritor Aldir Blanc, de 73 anos. Blanc ficou conhecido … Continue lendo

Deixe seu comentário

RN registra 1421 casos confirmados de coronavírus, com 4974 suspeitos, 4462 descartados e 62 mortes; 01 óbito nas últimas 24 horas

04 Maio2020

Por Jbelmont às 12h27

Foto: Reprodução/Sesap

A Secretaria de Estado e Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte nesta segunda-feira(04). Com o registro de 29 novos infectados, o número total de casos confirmados é de 1.421.

O número de óbitos chega a 62, com uma confirmação registrada nas últimas 24 horas.

Os casos suspeitos são 4.974, até ontem este número era de 4.939. Casos descartados somam 4.462.

Deixe seu comentário

Pesquisa XP/Ipespe: 49% consideram governo Bolsonaro ruim ou péssimo, 27% ótimo ou bom e 24% avaliam como regular

04 Maio2020

Por Jbelmont às 11h26

Foto: Reprodução

Pesquisa da XP/Ipespe divulgada nesta segunda-feira(04) avalia o governo Bolsonaro. Seu desempenho é considerado ruim ou péssimo por 49% dos brasileiros – 7 pontos a mais do que na semana passada.

Ele é considerado ótimo ou bom por 27% – 4 pontos a menos. Regular consideram 24%.

O Antagonista

Deixe seu comentário

Governadora confirma que vai prorrogar medidas de isolamento social no RN

04 Maio2020

Por Jbelmont às 10h24

Fechamento do comércio estava determinado em decreto até 5 de maio. Um novo decreto deve ser publicado nesta terça.

 

A governadora Fátima Bezerra confirmou nesta segunda-feira (4) que vai prorrogar o decreto que determina o fechamento do comércio e outras medidas de contenção ao coronavírus no Rio Grande do Norte. O decreto que está em vigor tem validade até 5 de maio. Um novo decreto deve ser publicado no Diário Oficial nesta terça (5).

Em entrevista ao Bom Dia RN, a governadora antecipou que o novo decreto será nos mesmos moldes do atual, que permite o funcionamento de serviços essenciais, e que o foco do governo será na fiscalização para que as medidas sejam cumpridas.

"O que nós vamos ter daqui pra frente é um foco muito forte no cumprimento dessas medidas. Precisamos ampliar o percentual de isolamento do social no RN, que nós estamos acompanhando e está longe do ideal que é 60%.", disse.
O novo decreto deve ter validade de 15 dias.

O que diz o decreto atual
A suspensão das aulas já estavam determinadas até o dia 31 de maio e seguem suspensas. Restaurantes, bares, lanchonetes e praças de food truck devem funcionar exclusivamente com sistema de entrega ou com ponto de coleta dos alimentos. O consumo em mesas nestes locais está proibido.

Além das atividades de assistência médica e de comercialização de alimentos, como supermercados e padarias, é permitido o funcionamento de:

oficinas;
borracharias;
lojas de autopeças;
hotéis e pousadas;
agências de emprego temporário;
serviços de consertos de computadores;
lavanderias;
atividades de seguro e de contabilidade;
serviços de venda e locação de imóveis e automóveis;
barbearias e manicures; e atividades de assessoria, consultoria e representação jurídica.
Continuam suspensas atividades coletivas de qualquer natureza, públicas ou privadas, como festas, shows, atividades desportivas, feiras, exposições. Passeatas e carreatas passam a ser proibidas para evitar aglomerações.

Deixe seu comentário

Alceu Valença: “Faço tudo ao contrário do que o presidente manda”

04 Maio2020

Por Jbelmont às 10h03

O cantor e compositor Alceu Valença comentou, em entrevista ao Estadão, o que pensa do Brasil em tempos de coronavírus.

“Estamos passando por essa pandemia e eu faço tudo ao contrário do que o presidente [Jair Bolsonaro] manda. Quando ele fala pra ir para a rua, eu não, eu fico dentro de casa. É gripezinha? Não, a gripe é forte. Tem muita gente morrendo”.

Alceu Valença tem 73 anos. Está, portanto, no grupo de risco da doença.

O cantor fez uma live na noite deste domingo para arrecadar ajuda para musicos que se encontram em situação dificil devido ao Covid-19.

Deixe seu comentário

Ministro Barroso rebate declaração de Bolsonaro: “Forças Armadas não são de governo”

04 Maio2020

Por Jbelmont às 10h00

Em entrevista à GloboNews, Luís Roberto Barroso comentou as declarações de Jair Bolsonaro durante a manifestação pró-governo realizada em frente ao Palácio do Planalto.

“A mim, pessoalmente, só me preocupou uma coisa: a invocação de que as Forças Armadas apoiavam o governo. E aí eu acho que esse é um fato que traz algum grau de preocupação, porque as Forças Armadas são instituições de Estado, subordinadas à Constituição, e portanto elas não estão dentro de governo, não estão vinculadas a governo nenhum.”

Como publicamos mais cedo, Bolsonaro afirmou que o povo e as Forças Armadas estão ao lado de seu governo.

O ANTAGONISTA

Deixe seu comentário

Moro diz à PF que Bolsonaro ameaçou demiti-lo em reunião gravada em vídeo com outros ministros

03 Maio2020

Por Jbelmont às 23h48

Caso foi citado pelo ex-ministro como nova prova das interferências do presidente na Polícia Federal; ele depôs por 8 horas em Curitiba no sábado


BRASÍLIA - Em seu depoimento prestado neste sábado, o ex-ministro da Justiça Sergio Moro afirmou aos investigadores que o presidente Jair Bolsonaro ameaçou demiti-lo em uma reunião do conselho de ministros do governo federal caso Moro não concordasse com uma nova substituição do superintendente da Polícia Federal no Rio. Segundo Moro, essa reunião ocorreu em 22 de abril e foi gravada em vídeo pela própria Presidência da República, o que poderia comprovar suas acusações de que Bolsonaro tentou realizar interferências indevidas na PF.

Diálogos:Moro entregou à PF conversas dos últimos 15 dias com Bolsonaro

Esse encontro do conselho de ministros ocorreu dois dias antes do pedido de demissão de Sergio Moro. O ex-ministro afirmou, no depoimento prestado à PF e a membros da Procuradoria-Geral da República (PGR), que Bolsonaro deixou claro diversas vezes seu interesse em nomear uma pessoa de sua confiança na Superintendência da PF no Rio, mas sem explicar os motivos. Segundo ele, essa cobrança foi feita diante dos demais ministros do governo nesse encontro do conselho.

Bela Megale:Investigadores copiam dados do celular de Moro

Na mesma reunião, Bolsonaro teria manifestado sua insatisfação com a falta de acesso a informações de inteligência da PF. Em seu depoimento, Moro afirmou que o ministro Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional) discordou do presidente e disse que esses relatórios não poderiam ser fornecidos. Após a demissão dele, o próprio Bolsonaro havia afirmado que divulgaria o vídeo de sua última reunião com Moro como forma de comprovar que ele estaria falando a verdade, mas o presidente ainda não divulgou esse vídeo.

Mais de 8 horas de depoimento

Moro foi ouvido durante oito horas neste sábado na Superintendência da PF do Paraná, por investigadores da PF e da Procuradoria-Geral da República (PGR) como parte do inquérito aberto pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para apurar as acusações feitas por ele contra Bolsonaro --a investigação apura se o presidente e também se o ex-ministro cometeram crimes no episódio.

 

CONTINUAR LENDO CLIQUE AQUI

Deixe seu comentário

Da rampa do Planalto, Bolsonaro adere a protesto contra Moro, STF e Congresso e diz que chegou 'no limite'

03 Maio2020

Por Jbelmont às 19h34

BRASÍLIA — Ao comparecer a um ato de apoio a seu governo e de ataques ao STF, ao Congresso e ao ex-ministro Sergio Moro, o presidente Jair Bolsonaro declarou neste domingo, na rampa do Palácio do Planalto, que não vai mais "admitir interferência" em seu governo e que chegou "ao limite". O presidente disse ainda ter o apoio das Forças Armadas, sem detalhar a que se referia. Bolsonaro foi ao encontro de manifestantes que fizeram uma carreata que percorreu a Esplanada dos Ministérios.


Como tenho dito, o Poder Executivo está unido. Um só propósito: tirar o Brasil de onde se encontra. Vocês sabem que o povo está conosco. As Forças Armadas, ao lado da lei, da ordem, da democracia, da liberdade e da verdade, também estão ao nosso lado. Deus acima de tudo. Quanto aos algozes, peço a Deus que não tenhamos problema esta semana, porque chegamos no limite. Não tem mais conversa. Daqui para frente, não só exigiremos. Faremos cumprir a Constituição. Será cumprida a qualquer preço. E ela tem dupla mão. Não é só de uma mão, não.

 

Ler mais CLIQUE AQUI

Deixe seu comentário

Brasil ultrapassa marca de 100 mil infectados por novo coronavírus

03 Maio2020

Por Jbelmont às 18h51

Ministério da Saúde também registrou 275 novos óbitos; total é de 7.025


O Brasil atingiu neste domingo a marca de 101.147 casos diagnosticados e 7.025 óbitos pelo novo coronavírus, segundo boletim do Ministério da Saúde. Houve um aumento de 4.588 ocorrências confirmadas e 275 novas mortes desde o último balanço do governo, divulgado no sábado.


Com os novos dados, o Brasil passou o Irã e tornou-se o nono país com maior número de infecções, atrás de EUA, Espanha, Itália, Reino Unido, França, Alemanha, Rússia e Turquia.

 

G1

Deixe seu comentário

Bolsonaro: “não haverá mais interferência no Governo, chegamos ao limite”

03 Maio2020

Por Jbelmont às 17h19

Imagem: reprodução/Facebook

Em live na rampa do Palácio do Planalto, Jair Bolsonaro afirmou que “não haverá mais interferência no governo”.

“Peço a Deus que não tenhamos problema nesta semana. Chegamos ao limite. Não tem mais conversa. Daqui para frente não só exigiremos, faremos cumprir a Constituição. Ela será cumprida a qualquer preço.”, disse o presidente.

O Antagonista

Deixe seu comentário

Profissionais do Estadão são agredidos com chutes, murros e empurrões por apoiadores de Bolsonaro

03 Maio2020

Por Jbelmont às 17h10

Foto: André Borges/Estadão

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro agrediram com chutes, murros e empurrões a equipe de profissionais do Estadão que acompanha uma manifestação pró-governo realizada neste domingo, 3, em Brasília. O fotógrafo Dida Sampaio registrava imagens do presidente em frente a rampa do Palácio do Planalto, na Esplanada dos Ministérios, numa área restrita para a imprensa quando foi agredido.

Sampaio usava uma pequena escada para fazer o registro das imagens quando foi empurrado duas vezes por manifestantes, que desferiram chutes e murros nele. O motorista do jornal, Marcos Pereira, que apoiava a equipe de reportagem também foi agredido fisicamente com uma rasteira. Os manifestantes gritavam palavra de ordem como “fora Estadão”.

Os dois profissionais precisaram deixar o local rapidamente para uma área segura e procuraram o apoio da polícia militar. Eles deixaram o local escoltados pela PM. Os profissionais passam bem. Os repórteres Júlia Lindner e André Borges, que também acompanham a manifestação para o Estadão, foram insultados, mas sem agressões.

Milhares de pessoas se reúnem na Esplanada dos Ministérios convocadas num ato estimulado pelo presidente. A ação ocorre após o ex-ministro Sérgio Moro prestar depoimento no inquérito aberto pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para apurar denúncia feita por ele de que o presidente Bolsonaro utilizou o cargo para tentar ter acesso a investigações sigilosas da Polícia Federal.

Bolsonaro desrespeitou todas as normas de saúde pública ao participar da manifestação. Sem máscara, desceu a rampa do Planalto e deu uma volta em todo alambrado. O desrespeito as medidas de segurança por causa do novo coronavírus é generalizado entre os apoiadores do presidente. Assim como o presidente, grande parte da população não usa máscara.

Estadão Conteúdo

Deixe seu comentário

Moro diz que ‘depoimento foi longo, mas tranquilo’ e que apresentou ‘bastante coisa’

03 Maio2020

Por Jbelmont às 17h06

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil 


O ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública Sergio Moro prestou um longo depoimento na tarde deste sábado, 2, na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba e, após cerca de nove horas, disse a interlocutores que “fez um relato histórico de uma série de situações” envolvendo sua relação de trabalho com o presidente Jair Bolsonaro.

“O depoimento foi longo, mas tranquilo”, declarou o ex-juiz da Lava-Jato. Sergio Moro informou que apresentou “bastante coisa” de provas materiais que embasariam as acusações de que o presidente tentava interferir politicamente em órgãos de investigação, mas afirmou que o conteúdo completo de seus esclarecimentos virá à tona apenas quando o ministro Celso de Mello, relator do inquérito que trata das acusações de Moro no Supremo Tribunal Federal (STF), autorizar o levantamento do sigilo de suas declarações.

“Foi um depoimento longo, mas tranquilo. Fiz um relato histórico de uma série de situações. Prova material? Tem bastante coisa”, resumiu Moro, segundo relatos obtidos por VEJA. No depoimento à Polícia Federal, ele detalhou casos, como o pedido de Bolsonaro para trocar o comando da Polícia Federal no Rio de Janeiro, classificado por ele como um exemplo de tentativa da interferência presidencial em órgãos de investigação.

Veja

Deixe seu comentário

Bolsonaro diz que nomeará diretor da PF amanhã segunda-feira

03 Maio2020

Por Jbelmont às 14h24

Foto: Reprodução/Facebook

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou neste domingo (3), após saudar manifestantes que participaram de carreata em apoio ao governo em Brasília, que “não há mais conversa” e que fará cumprir a Constituição, dizendo em seguida que nesta segunda fará a nomeação do cargo de diretor-geral da Polícia Federal.

O tema levantou polêmica na última semana, após o ministro Alexandre de Moraes vetar o delegado Alexandre Ramagem, nomeado por Bolsonaro.

“Chegamos no limite, não tem mais conversa. Não só exigiremos, faremos cumprir a Constituição, e ela será cumprida a qualquer preço. E ela tem dupla mão. Amanhã nomearemos o novo diretor da PF”, disse.

R7 

Deixe seu comentário

Perfil do Blogueiro

JBelmont
José J Belmont Natural de São José de Campestre RN Radialista, ex vereador de Mossoró e ex deputado estad…
Leia +