RN tem segunda maior taxa de homicídios do Brasil em 2016, diz Anuário da Segurança Pública

JBelmont

30Out2017

Por Belmont às 11h02

Estudo foi lançado nesta segunda-feira (30). Estado registrou crescimento de 18% em homicídios e 28% de roubos em relação ao ano anterior.

 

Com um número absoluto de 1.976 mortes violentas no ano passado (18% a mais que em 2015), o Rio Grande do Norte foi o segundo estado com maior taxa de mortes violentas por 100 mil habitantes, de acordo com o 11º Anuário Brasileiro da Segurança Pública, lançado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

 

O estado ficou atrás apenas de Sergipe registrou 64 mortes para cada 100 mil habitantes. O RN teve uma taxa de 56,9 mortes, seguido de Alagoas com 55,9 mortes por 100 mil habitantes.

 

O estado também foi o terceiro a registrar o maior crescimento de mortes violentas intensionais em 2016, em relação ao ano anterior (18%). Ficou atrás apenas do Amapá, que teve crescimento de 52,1% e do Rio de Janeiro, com 24,3%.

 

"A publicação é uma ferramenta importante para a promoção da transparência e da prestação de contas na área da segurança pública, influenciando a melhoria da qualidade dos dados por parte dos gestores", diz o Fórum de Segurança Pública, sobre o anuário.

 

Faltando ainda dois meses para o final de 2017, o Rio Grande do Norte já superou em números, a quantidade de mortes violentas do ano passado, com mais de dias mil mortes. Foram 2.043 até este domingo (29), de acordo com o Observatório da Violência Letal Intensional (Óbvio) do Rio Grande do Norte. Um aumento de 24,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

 

Continuar lendo CLIQUE AQUI

 

 
Deixe seu comentário
Insira os caracteres conforme a imagem acima.